Dourados – MS segunda, 06 de julho de 2020
Dourados
28º max
19º min
Educação

Estudantes podem ter acesso gratuito a aplicações de ensino a distância

28 Mai 2020 - 09h52Por Agência Senado
Estudantes podem ter acesso gratuito a aplicações de ensino a distância - Crédito: Reprodução/EBC Crédito: Reprodução/EBC

Na tentativa de facilitar aos estudantes da escola pública o acesso à educação em meio à pandemia, foi apresentado no Senado projeto que garante aos alunos acesso gratuito a aplicações de ensino a distância por meio de conexões fixas e móveis de banda larga no período da emergência decorrente do coronavírus.

O Projeto de Lei (PL) 2.775/2020 é de autoria do senador Dário Berger (MDB-SC), presidente da Comissão de Educação (CE).

De acordo com a proposta, as prestadoras de serviços de telecomunicações que proveem acesso à internet por meio de conexões fixas e móveis de banda larga não descontarão do volume de dados contratado por pais, responsáveis ou estudantes de escolas públicas o consumo relativo à utilização de aplicações de ensino a distância.

A medida será válida para planos de internet nas modalidades pós-paga e pré-paga.

Como compensação, as empresas terão o custo da obrigação descontado de suas contribuições anuais ao Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust).

O benefício pode durar até um ano após o fim da pandemia do coronavírus.

Na justificativa do projeto, Dário ressalta que com o isolamento social, estabelecido como alternativa de enfrentamento do coronavírus, o acesso à internet em banda larga se tornou ainda mais fundamental no dia a dia das pessoas que passaram a trabalhar e a estudar remotamente.

Para ele, a educação sofreu maior impacto, pois o acesso à internet faz diferença na formação de milhões de jovens, hoje privados de aulas presenciais.

"Nesse sentido, entendemos ser fundamental que se garanta aos estudantes de escolas públicas, em geral oriundos de classes sociais menos favorecidas, o acesso às plataformas de ensino a distância a partir de conexões rápidas à internet, com baixos custos", declara.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MEC abre consulta pública do novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos
Educação

MEC abre consulta pública do novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

06/07/2020 18:15
MEC abre consulta pública do novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos
Brasil segue sem ministro da Educação
Educação

Brasil segue sem ministro da Educação

06/07/2020 11:54
Brasil segue sem ministro da Educação
Inscrições para o Sisu começam amanhã
Brasil

Inscrições para o Sisu começam amanhã

06/07/2020 10:56
Inscrições para o Sisu começam amanhã
Bolsonaro escolhe Renato Feder para ser novo ministro da Educação
POLÍTICA

Bolsonaro escolhe Renato Feder para ser novo ministro da Educação

03/07/2020 12:10
Bolsonaro escolhe Renato Feder para ser novo ministro da Educação
MS

SED publica resolução que classifica as unidades de ensino da REE

30/06/2020 19:05
Últimas Notícias