Dourados – MS sábado, 12 de junho de 2021
Dourados
23º max
13º min
Pets

PMDB traça planos de ação para eleger prefeitos em outubro

24 Fev 2016 - 06h00
Lideranças do PMDB em MS se reuniram no começo da semana, em Campo Grande. - Crédito: Foto: DivulgaçãoLideranças do PMDB em MS se reuniram no começo da semana, em Campo Grande. - Crédito: Foto: Divulgação
As principais lideranças políticas do PMDB em Mato Grosso do Sul se reuniram no começo da semana, em Campo Grande, para traçar um plano de ação visando eleger prefeitos e vereadores em outubro.


Com a presença do ex-governador André Puccinelli, o encontro serviu para discutir estratégias de campanhas pontuais no interior, indicando cidades importantes como prioridades para o início das conversações.


Novos encontros serão marcados para tratar do lançamento de candidatura própria nos demais municípios ou, se for o caso, aliança com outros partidos, dependendo das peculiaridades regionais.


Na prática, a cúpula regional do PMDB se articula visando consolidar a hegemonia na maioria dos municípios que administra e trabalha forte no sentido de eleger o prefeito de Campo Grande em outubro.


Antes, porém, o partido sabe que precisa reforçar seus quadros diante da baixa que sofreu após as eleições para o governo do Estado, quando perdeu lideranças importantes como o ex­prefeito Nelsinho Trad, hoje no PTB, e está na iminência de ficar sem o deputado estadual Marquinhos Trad, de malas prontas rumo ao PSD.


As conversações começaram na última segunda-feira (22) com lideranças políticas de Aquidauana, cidade que o partido já administrou com o prefeito Fauzi Suleiman.


O encontro foi com o vereador Mauro Batista, popularmente chamado de Mauro do Atlântico (PT), o qual o comando regional convidou a se filiar ao partido para disputar a prefeitura em outubro.


Ainda filiado ao PT, o vereador está sendo cortejado também por outros partidos a fim participar da sucessão do prefeito José Henrique Trindade (PDT).


Ele deve decidir seu destino político nos próximos dias, a exemplo de outras lideranças que aproveitarão os 30 dias de prazo fixado dentro da chamada “janela partidária” aberta pelo Congresso Nacional, para mudança de partido.


Na conversa, os principais dirigentes do PMDB falaram das metas do partido em torno do próximo pleito, cujo interesse é eleger prefeitos e vereadores nas cidades consideradas estratégicas.


O assédio dos peemedebistas ocorre dias após o vereador se encontrar com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), a quem pediu apoio à sua pré­candidatura.


Em relação aos tucanos, o maior obstáculo que o vereador enfrenta para obter o apoio do governador é o fato de o PSDB ter como provável candidato à sucessão municipal o pecuarista Odilon Ribeiro (PSDB PMDB deve tirar vereador do PT para disputar prefeitura de Aquidauana Mauro do Atlântico esteve com Reinaldo Azambuja na terça­-feira (12) da semana passada, com quem trocou impressões a respeito do cenário político atual e encaminhou algumas reivindicações relacionadas a investimento em obras em seu município.


Além do ex-governador André Puccinelli, participaram do encontro o presidente regional do PMDB e da Assembleia Legislativa, Júnior Mochi, os senadores Waldemir Moka e Simone Tebet, o deputado estadual Márcio Fernandes e o presidente do diretório municipal de Campo Grande, Ulisses Rocha.


Mauro do Atlântico estava acompanhado do ex­prefeito de Aquidauana, Fauzi Suleiman (PMDB), e conversou também com o deputado estadual Felipe Orro (PDT).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Rússia produz primeiro lote de vacina contra covid-19 para animais
Ciência e Medicina

Rússia produz primeiro lote de vacina contra covid-19 para animais

30/04/2021 11:30
Rússia produz primeiro lote de vacina contra covid-19 para animais
Últimas Notícias