Dourados – MS quarta, 21 de abril de 2021
Dourados
33º max
18º min
Influx - Campanha 2021
Variedades

25.05.2011 - Meus direitos

25 Mai 2011 - 06h37
25.05.2011 - Meus direitos -


######[email protected]


#####Meus direitos

Fontes palacianas dão conta que mais uma leva de prestadores de serviços se prepara para mover uma ação na Justiça contra a Assembleia Legislativa por ter dispensado-os sem justa causa, apenas para fugir as pressas da chamada “lei da transparência”.

A informação é que tem barnabé que atuou há anos no legislativo sem ser nomeado, já que muitas vezes o chefe precisava do cargo para acomodação política.

#####Pé na estrada

A evidência de campanha antecipada na Capital não é vista apenas nos microfones da Câmara de Vereadores e da Assembleia. O embate eleitoral fora de época começa a ganhar proporções ainda maiores no reduto do PMDB.

Denominada \"Menos Impostos, Mais Cidadania - Movimento por Justiça Tributária em Campo Grande\", a campanha está sendo feita pelo vereador Marcos Alex e pelo deputado federal Vander Loubet.

#####Exageros

Na prática, o que os “xiitas e xaatos” do PT querem ao mobilizar várias entidades em recente evento na Capital é que o prefeito Nelsinho Trad (PMDB) reduza impostos e taxas que, segundo eles, são os mais caros do país.

Até a taxa de limpeza de terreno, no valor de R$ 1.800,00, foi lembrada pelos adversários políticos do peemedebista.

#####Deslocado

Não convidem para sentar à mesma mesa o deputado estadual Paulo Duarte (PT) e o ex-senador Tasso Jereissati (PSDB-CE).

Bairrista de “carteirinha”, Duarte está incomodado com o empresário porque, em recente evento realizado por Jereissati para promover o shopping Bosque dos Ipês, de sua propriedade, em Campo Grande, o político cearense insinuou que a Capital estaria situada no Mato Grosso.

#####Prejuízos

Duarte lembrou da gafe de Jereissati na sessão de terça-feira da Assembleia Legislativa. Na oportunidade, o deputado petista defendeu a mudança do nome de Mato Grosso do Sul, como forma de evitar deslizes como o cometido pelo ex-senador tucano.

Conforme o deputado petista, a semelhança de nomes entre MS e MT tem trazido prejuízos incalculáveis à economia regional.

Deixe seu Comentário