Dourados – MS quinta, 17 de junho de 2021
Dourados
21º max
15º min
Clima

Baixa umidade do ar exige maior atenção na saúde de crianças e idosos

04 Ago 2016 - 16h51
Poluição do ar em Dourados também é agravante das doenças respiratórias - Poluição do ar em Dourados também é agravante das doenças respiratórias -
O mês de agosto chegou e, com ele, a secura do ar aumenta. No mês de julho, choveu 43mm em Dourados, 7mm a menos que a média histórica deste mês, 50mm. As chuvas foram escassas em toda região sul de Mato Grosso do Sul. O município de Dourados foi o que ficou com maior índice pluviométrico (volume de chuvas), enquanto que a Capital, Campo Grande, teve o menor índice. De acordo com o site da Embrapa Agropecuária Oeste, em cinco dias, a umidade do ar foi inferior a 30%, o que já configura estado de atenção.

Segundo Dr. Ricardo Fietz, engenheiro agrônomo da Embrapa Dourados, estamos há 18 dias sem chuva, desde o dia 17 de julho, sendo os meses com menor índice de umidade relativa do ar agosto e setembro. "Então, é comum ser baixa a umidade neste período. Em média, neste mês, ocorrem 17 dias com a umidade relativa do ar menor que 30%", explicou.

De acordo com a pediatra/hebiatra dra. Carmem Lúcia de Almeida Santos, os problemas respiratórios acabam aumentando neste período do ano, como tosses alérgicas, rinites, sinusites, infecções nas vias aéreas superiores e até as pneumonias. "A gente vê um aumento dos casos de conjuntivites, rinites e sinusites", relatou a dra, que reiterou que crianças e idosos são os mais afetados pela baixa umidade do ar, por isso, é necessário atenção especial a esses dois grupos

Para aliviar os sintomas dessas doenças, site IG Saúde Bem-Estar dá as seguintes dicas:
. Incentive a ingestão de bastante água (cerca de dois litros ao dia), além de sucos naturais feitos de maneira adequada e água de coco;

Também é importante manter a higiene doméstica. Evite o acúmulo de poeira, que desencadeia problemas alérgicos;

Prefira alimentos frescos e produzidos o mais próximo possível do horário de consumo. Substitua frituras por alimentos assados, assim como o sorvete de massa por picolé, especialmente de frutas. Queijos amarelos podem ser trocados por queijos brancos;

Durma em local arejado e umedecido. Isso contribui para uma noite de sono tranquila (os ambientes podem ser umidificados com toalhas molhadas, reservatórios com água e até umidificadores);

A pele também merece atenção especial neste período. Evite banhos com água muito quente, que ressecam a pele, e use, sempre que possível, um creme hidratante. Em caso de irritação das vias aéreas e dos olhos, use soro fisiológico para lavar os olhos e as narinas.






Deixe seu Comentário

Leia Também

Das 36 mortes por Covid-19, registradas nas últimas 24 horas, dez são da Capital
Covid-19

Das 36 mortes por Covid-19, registradas nas últimas 24 horas, dez são da Capital

17/06/2021 15:30
Das 36 mortes por Covid-19, registradas nas últimas 24 horas, dez são da Capital
Coronavírus

Variante Delta: dor de cabeça e garganta são sintomas da Covid-19

16/06/2021 19:00
MS vai receber 70 mil vacinas com doses da Coronavac e Pfizer
Covid-19

MS vai receber 70 mil vacinas com doses da Coronavac e Pfizer

há 1 dia atrás
MS vai receber 70 mil vacinas com doses da Coronavac e Pfizer
Estado registra mais 67 óbitos e 30 só em Campo Grande
Covid-19

Estado registra mais 67 óbitos e 30 só em Campo Grande

16/06/2021 14:30
Estado registra mais 67 óbitos e 30 só em Campo Grande
Secretaria de Estado de Saúde transfere mais três pacientes para Rondônia nesta terça-feira
Pandemia

Secretaria de Estado de Saúde transfere mais três pacientes para Rondônia nesta terça-feira

15/06/2021 15:30
Secretaria de Estado de Saúde transfere mais três pacientes para Rondônia nesta terça-feira
Últimas Notícias