Dourados – MS segunda, 19 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Política

PT analisa ratificação de aliança com Murilo

27 Mai 2011 - 22h27
Vereador Ishy seria o nome mais cotado para possível candidatura do PT em Dourados - Crédito: Foto: DivulgaçãoVereador Ishy seria o nome mais cotado para possível candidatura do PT em Dourados - Crédito: Foto: Divulgação
DOURADOS – Militantes do Partido dos Trabalhadores (PT) realizam na manhã de hoje na Câmara Municipal de Dourados o encontro regional que começa a nortear os rumos da legenda a partir do ano que vem. Duas discussões estarão em pauta. A primeira vai tratar sobre a construção partidária, em que será avaliada a administração da legenda, sua atuação política e as condições financeiras. Já a segunda será a mais importante do dia. A Executiva Estadual do PT vai analisar com a militância douradense os rumos do partido nas eleições em 2012. Será o momento de discutir a ratificação com a aliança feita com o prefeito de Dourados Murilo Zauith (DEM).

Marcus Garcia, presidente regional do PT, diz que a legenda local terá total autonomia para decidir se irá lançar candidato próprio ou apoiar o democrata Murilo, que deve disputar reeleição. “Vamos respeitar a decisão de cada diretório”, afirmou. O encontro em Dourados é o oitavo e penúltimo a ser realizado pelo partido. O próximo será feito em Campo Grande, em 11 de junho.

O encontro na Câmara Municipal começa às 9h e deverá se estender até às 12h. Deverão participar representantes do diretório e militância do PT dos municípios de Dourados, Itaporã, Douradina, Maracaju, Nova Alvorada do Sul e Rio Brilhante.

PT de Dourados – A discussão da militância já começa a sacudir o cenário do PT douradense. O partido ainda não sabe se pretende lançar candidato a prefeito na segunda maior cidade do Estado. Acontece que o partido se dividiu no ano passado: ala conservadora e ala petista de direita.

Isso aconteceu depois do apoio firmado com a candidatura do prefeito Murilo, que compôs uma coalizão de vários partidos para o mandato extemporâneo. O PT foi o que mais apoiou a eleição do democrata.
O vereador Elias Ishy (PT), que tentou concorrer contra Murilo no ano passado, sendo barrado pela justiça, é um dos principais nomes do partido para disputar a eleição a prefeito no ano que vem. Incerto com as negociações a ser realizadas pela legenda, ele diz que ainda é cedo para opinar. “Não dá pra tocar nesse assunto, não tem como”, resumiu o vereador.

Questionado se tem o interesse em lançar seu nome, foi ainda mais taxativo. “O nosso grupo é que vai definir se vai o não lançar candidato”, ponderou.
O recuo de Ishy pode estar ligado ao bloco de coalizão do PT, que segue firme com a administração de Murilo Zauith. A ala petista de direita liderada pelo deputado estadual Laerte Tetila é a que tem maior força dentro da militância local.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas
Comissões

Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas

19/10/2020 11:15
Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas
Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes
política

Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes

19/10/2020 10:12
Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes
Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS
Lei

Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS

19/10/2020 09:38
Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS
Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade
política

Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade

17/10/2020 15:37
Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade
política

Dia Mundial da Alimentação: senadores alertam para riscos de aumento da fome no Brasil

17/10/2020 10:08
Últimas Notícias