Dourados – MS sábado, 11 de julho de 2020
Dourados
31º max
14º min
Opinião

Buracolândia?

23 Fev 2011 - 16h13

#Buracolândia?

#####Jonatan Santos de Souza

Se pararmos para pensar no que dizem sobre nós no exterior, lembraremos que somos uma nação denominada como país de pura felicidade, de maravilhas, povo jovial e de espírito contagiante, onde tristezas são supridas, e males tratados com a nossa autêntica magia. E que “magia”! Tudo vira motivo para alegria.

Neste fim de semana, durante uma viajem rotineira pela rede internacional, descobri por meio de uma rede de relacio-namento uma comunidade que está fazendo uma alusão muito curiosa da nossa Dourados.

Todos nós sabemos e já não é mais novidade alguma, a situação que se encontra esta cidade, e sei que nem é preciso dizer que estamos numa situação l-a-m-e-n-t-á-v-e-l, principalmente em relação às ruas, ou pelo menos, o que era rua, não no sentido de via no qual está possibilitada a livre locomoção.

Mas antes de qualquer desenvolvimento desta questão, deixo bem claro que não estou atacando qualquer membro po-lítico, muito menos a breve e atual prefeitura, que sob minha visão, muito realizou por nós. Mas você deve estar pergun-tando, onde? Digo-lhe que na qualidade de vida que ainda se mantém, aliás, dêem aplausos, fugimos de um perfeito co-lapso.

Minhas congratulações Prefeita Délia, suas mãos foram decisivas para o andamento do nosso processo de recupe-ração. Afinal, Antônio João estaria atrás das “grades” ainda.

Voltando ao tema anterior, é tão interessante a nossa capacidade de comoção e recuperação diante das tragédias. Se pararem para pensar, me darão razão quando eu digo que sempre começamos um assunto sério com ar de pêsames, e sempre terminamos com uma palavra sarcástica ou até mesmo com uma piada. No entanto, nunca deixam de serem pala-vras esperançosas sobre a situação.


E no estado atual, acredito que a palavra que está na boca de todo douradense, é ESPERANÇA. Esperança de que o nosso prefeito esteja ciente dos problemas que nos abrangem. Esperança de que haja êxito na organização e cumprimento das ações precisas.

Afinal, não gostamos dos nomes que estão sendo nos dado na rede e outros. Mas quem sabe, no futuro próximo, te-nhamos o velho e bom título de Dourados de volta. E com muita sorte, o conhecido “João Buracão” não venha parar na frente de nossas casas, apontando na mídia nacional, mais um descaso da castigada Buracolândia, quero dizer, Dourados.

#####Eterno Aprendiz

Deixe seu Comentário