Dourados – MS terça, 20 de outubro de 2020
Dourados
32º max
20º min
Influx
Dia-a-Dia

Idosos chefiam famílias no Estado

02 Mai 2011 - 03h49
DOURADOS – A responsabilidade pelo sustento da família está cada vez mais sobre os ombros dos idosos. A proporção de sul-mato-grossenses com mais de 60 anos, responsáveis pelas despesas e que dividem a moradia com filhos, netos ou bisnetos é crescente, revela pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgada ontem.

Em 2010 foram registrados 763.696 domicílios particulares ocupados. Desse total 146.067 tem como responsáveis os idosos. A segunda maior faixa etária que lidera as residências é de 35 a 39 anos: 88.463 pessoas.

A população total de MS é de 2.449.024 habitantes, sendo 1.219.28 homens e 1.229.096 mulheres. Elas representam 51,19% da população.

De acordo com o IBGE, Campo Grande e Mundo Novo são as cidades com maior percentual de população feminina –51,53%. Já os municípios de Corguinho e Jaraguari tem o percentual mais alto de homens: 54,07% e 53,73%, respecti-vamente.

Figurando ainda na estatística populacional, Campo Grande tem 786.797 habitantes. Na sequência em população vem Dourados (196.035), Corumbá (103.703), Três Lagoas (101.791) e Ponta Porã (77.872).

Dentre os municípios sul-mato-grossenses, Japorã é o que concentra o maior número de pessoas residindo no campo. Do total de 7.731 habitantes, 6.331 vivem na zona rural. O maior percentual de população residindo na área urbana é Campo Grande: 98,66% - 776.242 habitantes.

#####EVOLUÇÃO

Na última década a população de MS cresceu em 371.023 habitantes, ou seja, em 2000 era de 2.078.001 e no ano de 2010 passou para 2.449.024. Em números absolutos, os maiores crescimentos populacionais do Estado em períodos foi de 1960 a 1970 (418.559 habitantes) e de 1980 a 1990 (410.806 habitantes).

Quanto a cor de pele dos sul-mato-grossenses, 47,3% (1.158.103) é constituída de brancos; 43,6% (1.067.560) de pardos; 4,9% (120.096) da cor preta; 3% (73.295) de indígenas; e 1,22% (29,957) de amarelos. Em números absolutos, MS tem o segundo maior número de índios do país, perde apenas para Amazonas.

#####ALFABETIZAÇÃO

Com o contigente de 1.914.152 habitantes alfabetizadas na faixa etária de 10 anos ou mais de idade, no universo de 2.059.399 habitantes, o Estado tem a taxa de 92,9% pessoas que sabem ler e escrever, onde destaca-se como o 7º entre as unidades federativas em taxa de alfabetizados. Em primeiro lugar está DF (96,7% de alfabetizados), seguido de SC (96,1%), SP (95,91%), RJ (95,90%), RS (95,7%), e PR (94,2%).

Deixe seu Comentário