Dourados – MS quinta, 24 de setembro de 2020
Dourados
33º max
17º min
Educação

Escolas mantém projetos de Astronomia

21 Mai 2016 - 06h00
Projeto já atendeu mais de 600 pessoas. - Crédito: Foto: DivulgaçãoProjeto já atendeu mais de 600 pessoas. - Crédito: Foto: Divulgação
Com a aquisição do planetário digital móvel, no final de 2015, a Prefeitura de Dourados, através da Secretaria Municipal de Educação iniciou um projeto desenvolvido pelo Departamento de Ensino que tem como proposta, ampliar conhecimentos e despertar nos alunos noções sobre o universo. O objetivo é despertar nos alunos o interesse pela observação do céu, dos corpos celestes e de fenômenos astronômicos, o projeto "Ciência e Astronomia".


Astronomia é uma das mais antigas ciências e é interdisciplinar, pois envolve as áreas de Ciências, Geografia, História, Matemática, Português e outras. O público alvo: Alunos da Pré - Escola ao 9º ano das Escolas da rede municipal. Dentre as atividades do Projeto estão: formações para educadores sobre o tema Astronomia, curso de extensão com oficinas para elaboração de aulas dinâmicas, participação da OBA – Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astrofísica, e visita ao Planetário Digital Móvel.


Em uma primeira fase, as Escolas do campo já conheceram o Planetário. O Projeto já atendeu mais de 600 pessoas entre alunos, equipe administrativa, professores, coordenadores e diretores, que saem encantados com a oportunidade científica-cultural, já que a grande maioria afirma nunca ter tido esta experiência de visualização em tempo real do céu profundo, com as estrelas, planetas, constelações, movimentos, eclipses e demais eventos astronômicos.


Tem ainda, o Curso de extensão: "capacitação para professores no ensino da Astronomia" uma parceria entre SEMED e UEMS, com aulas presenciais e, também, à distância além de oficinas práticas para confecção de experimentos com baixo custo, utilizando materiais recicláveis. O objetivo é formar educadores para ministrar o ensino de Astronomia, presente nos Referenciais Curriculares.

Deixe seu Comentário