Dourados – MS quarta, 21 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Dia-a-Dia

Em um ano 1.500 se formalizaram

25 Abr 2011 - 22h59
Pequenos empreendedores buscam informações no balcão do Sebrae montado na praça - Crédito: Foto: Hédio Fa-zan/PROGRESSOPequenos empreendedores buscam informações no balcão do Sebrae montado na praça - Crédito: Foto: Hédio Fa-zan/PROGRESSO
DOURADOS – Desde 8 de fevereiro de 2010, data na qual passou a valer o programa do Empreendedor Individual em Dourados, pelo menos 1.500 proprietários de pequenos negócios se formalizaram. A gerente do Sebrae em Dourados, Flávia Rosa Santos Silva, informou, que sobretudo, este ano, houve um aumento expressivo no número de empreendedores que têm interesse em se formalizar. “Esses pequenos empreendedores cada vez mais estão entendendo que a informalidade é coisa do passado; que terão mais segurança tanto para ele como para o negócio”, disse a gerente.

Para se formalizar, o microempreededor não vai gastar tanto. A partir de maio, em uma só guia, o empreendedor vai pagar menos ao INSS, de 11% caiu para 5% do salário mínimo ao INSS; R$ 1,00 de ICMS, no caso de comércio e R$ 5,00, no caso prestador de serviço. No total o empreendedor, para se formalizar não deverá pagar mais que R$ 30,00 por mês. Atualmente o empreendedor ao INSS em torno de R$ 50,00 por mês. A partir da formalização, o empreendedor terá direito a aposentadoria por idade, auxílio doença, facilidade ao crédito, conta bancária, licença–maternidade, auxílio–natalidade, licença por acidente de trabalho e aposentadoria por invalidez.




SEMANA - Flávia informou que não existe uma pesquisa para saber quantos empreendedores estão na informalidade em Dourados. Por isso, o Sebrae está promovendo até sexta-feira a Semana do Empreendedor Individual com o objetivo de atrair esses pequenos empresários. A abertura do evento aconteceu ontem à tarde, com uma solenidade que teve a participação do prefeito de Dourados, Murilo Zauith, o presidente da Câmara, Idenor Machado, a secretaria municipal de Agricultura, Industria e Comércio, Neire Colman, representantes de entidades do comércio e empreendores.



De acordo com a Analista do Sebrae da região Sul de Mato Grosso do Sul, Silmara Dourado Moraes, no mesmo evento promovido em 2010, em uma semana, o Sebrae conseguiu que 168 empresários se formalizassem. No ocasião houve 800 atendimentos nas tendas montadas pelo Sebrae na Praça Antônio João. A expectativa, segundo Silmara, é que este ano a Semana do Empreendedor tenha o mesmo desempenho ou supere a expectativa.

Técnicos do Sebrae e dos principais órgãos que envolvem a abertura de empresa, como a prefeitura e INSS, estão no local para realizar atendimento das 14h às 21h. No local os empreendedores formalizados poderão fazer a declaração anual de faturamento, cujo prazo vai até dia 31 do mês que vem. Quem não entregar a declaração neste prazo poderá ser multado em R$ 57,00.
Paralelamente no auditório da Associação Comercial e Empresarial de Dourados (Aced), também está sendo realizada palestras e oficinas. Nos dias 26 e 27, respectivamente, das 13h às 18h será realizada uma palestra abordando o tema: “A influência da moda romântica”.

No dia 28, as oficinas são direcionadas ao setor da construção civil: “DDS – diálogo de segurança - construção civil”, ministrada pelo Sesi, das 18h às 19h e “Construção civil: mercado de trabalho, demandas e oportunidades”, com técnicos do Senai, das 19h às 20h.

No dia 29, o Sebrae realiza o Dia do Crédito, das 16h às 19h, para os empreendedores interessados em conhecer e acessar as linhas de financiamento para abertura, ampliação e capital de giro para o negócio. O evento terá uma palestra com dicas para obtenção de crédito e instituições financeiras atenderão de forma personalizada os interessados em informações sobre taxas e serviços.

Deixe seu Comentário