Dourados – MS quarta, 12 de agosto de 2020
Dourados
29º max
18º min
Segurança e Saúde JBS
Aedes

Dourados registra 17 casos de microcefalia; 4 este ano

30 Mar 2016 - 18h42
CCZ notificou clube de Dourados por falta de manutenção na piscina. - CCZ notificou clube de Dourados por falta de manutenção na piscina. -
A região da Grande Dourados registrou 17 casos de microcefalia entre 2015 e 2016. Destes, 4 são deste ano e 13 no ano passado. Dos quatro registrados este ano dois são de Dourados, um de Fátima de Sul e um de Antônio João.

Nenhuma das notificações tem comprovação de que estão relacionados ao Zika Virus. O Núcleo de Vigilância Epidemiológica de Dourados informou ainda que 09 casos já foram descartados, enquanto os demais aguardam resultados de exames. A Secretaria de Saúde de Dourados está implementando um protocolo de atendimentos especial para os pacientes com microcefalia.

Em Dourados pelo menos 16 gestantes estão sendo monitoradas para detectar se elas contraíram o vírus zika. O coordenador do Núcleo, Devanildo Souza, esclarece que não são casos positivos para o vírus zika, mas sim de mulheres que estavam ou estão grávidas que tiveram o sintoma da doença ou de mulheres que tiveram bebês com microcefalia. "No caso dos bebês com microcefalia, a investigação é para saber se eles contraíram a doença em razão do vírus zika", explicou. Dos casos suspeitos foram colhidos materiais e enviados para laboratório de referência para análise.

Ele lembra que em Dourados existe apenas um caso confirmado de zika, até o momento. Trata-se de uma mulher de 30 anos, cuja confirmação saiu na semana passada. Ela não estava gestante e tem um histórico de viagem, por isso, não se sabe se ela contraiu a doença em Dourados ou durante a viagem.

De acordo com Devanildo de Souza, este ano foram notificados em Dourados 15 casos suspeitos de Zika, cinco foram descartados e dez ainda aguardam resultado. Nenhuma destas mulheres estariam grávidas.

Estado

Em Mato Grosso do Sul são 88 casos de Zika confirmados dos 1.191 suspeitos. Por enquanto, 252 casos suspeitos foram descartados e 1.531 estão em investigação. Foram confirmados zika nas cidades de Anastácio (3); Aquidauana (5); Campo Grande (71); Corumbá (1); Paranaíba (5); Rio Verde de Mato Grosso (1); São Gabriel do Oeste (1) e Três Lagoas (1).

Desde total, são 53 casos confirmados de gestantes com zika nas cidades de Anastácio (3); Campo Grande (41); Corumbá (1); Paranaíba (5); Rio Verde de MT (1) e São Gabriel do Oeste (1). Em todo Estado são 314 mulheres grávidas sendo monitoradas para Zika.

CCZ

As multas residenciais previstas na "Lei da Dengue" passaram de R$ 100 para R$ 800 em Dourados este ano; um aumento de 800%. Nos 45 primeiros dias deste, o município registrou 593 notificações e 266 multas de locais que apresentavam focos do mosquito Aedes Aegypti, transmissor de doenças como a Dengue, a Zika Virus, Chikungunya e a Febre Amarela urbana.


Vídeo abaixo esclarece mais sobre o Zika Virus:

Deixe seu Comentário