Dourados – MS domingo, 05 de dezembro de 2021
Dourados
36º max
23º min
Covid

Nova fase da covid-19 na Europa é alerta para o resto do mundo, diz OMS

Países se preparam para a chegada do inverno com intensificação de medidas restritivas, e apostam na dose de reforço em grupos prioritários para conter avanço da quarta onda

10 Nov 2021 - 16h30Por RBA
Nova fase da covid-19 na Europa é alerta para o resto do mundo, diz OMS -

O diretor executivo do Programa de Emergências da Organização Mundial da Saúde (OMS), Mike Ryan, afirmou nesta terça-feira (9) que a batalha da Europa contra a covid-19 é uma “chamada de alerta” para o resto do mundo. Apesar de os principais países do continente estarem com médias de imunização em torno de 70%, o vírus não deixou de circular e os europeus têm enfrentado nas últimas semanas uma pandemia entre “não vacinados”.

Ryan afirma ainda que a alta de contaminação entre esse grupo deve servir de aviso àqueles que ainda resistem em aderir ao esforço de imunização. “É muito importante refletir sobre o exemplo da Europa, que representou mais da metade dos casos globais na semana passada. Mas essa tendência pode mudar (com a vacinação)” disse o especialista.

A recente aceleração nas infecções é atribuída à disseminação da variante delta. Diante do quadro, as autoridades europeias temem o pior com a aproximação do inverno, estação propícia à disseminação do novo coronavírus. Nesse sentido, vários países estão se preparando para retomar as medidas restritivas aplicadas anteriormente, antes das flexibilizações que vieram com o verão e o aumento da vacinação.

França e Alemanha
O presidente francês, Emmanuel Macron, determinou que idosos deverão tomar a dose de reforço, se quiserem estender a validade do passaporte sanitário. As novas regras passam a valer a partir da próxima segunda (15), para pessoas com mais de 65 anos. A comprovação de vacinação é exigida para o acesso a estabelecimentos como cafés, restaurantes, museus e teatros. Além disso, a obrigatoriedade do passaporte vacinal foi estendida pelo parlamento francês até 31 de julho de 2022.

Até o momento, 68,8% da população francesa está completamente imunizada, de acordo com o portal Our World in Data . No entanto, desde outubro o país vem registrando aumento das infecções, com taxa de incidência de 62 casos por 100 mil habitantes, acima do limite de alerta. “A Europa voltou a ser o epicentro da pandemia”, lamentou o porta-voz do governo francês, Gabriel Attal.

A situação é ainda mais grave na vizinha Alemanha, onde, nesta segunda-feira (8), a taxa de infecção diária de covid-19 subiu para 201,1 casos por 100 mil pessoas. É a maior desde o início da pandemia. Isso apesar do avanço da vacinação, que também atinge 67,1%.

Para conter a transmissão, o ministro da Saúde alemão, Jens Spahn, anunciou que todos os cidadãos no país serão elegíveis para a dose de reforço da vacina, logo que se passem seis meses da segunda dose. “A quarta onda da covid-19 no país está agora em pleno vigor”, disse.

Reino Unido
Ao contrário de França e Alemanha, o Reino Unido tem resistido à volta de medidas restritivas, como uso de máscaras ou passes de vacinas. Um assessor do governo de Boris Johnson disse que o país “está muito longe” de cogitar novo confinamento durante o inverno. No entanto, apesar da queda de 16,6% na semana passada no total de novos casos, as mortes pela covid aumentaram 8,2% entre os britânicos.

Por lá, a imunização completa chegou a 69%, mas as autoridades apostam na dose de reforço para conter um novo avanço da doença. A terceira dose vem sendo aplicada em pessoas com mais de 50 anos, com comorbidades, profissionais da saúde e cuidadores de idosos.

Mais covid na Europa
Na Áustria, desde a semana passada, pessoas que não foram vacinadas estão impedidas de entrar em cafés, restaurantes e cabeleireiros. A partir do próximo final de semana, qualquer evento que reúna mais de 25 pessoas está proibido. Países como Rússia, Ucrânia e Grécia também voltaram a registrar recordes em novos casos. Já na Romênia e a Bulgária, preocupa a baixa taxa de imunização, de apenas 40% e 27%, respectivamente.

Covid no Brasil
No Brasil, 58,3% da população está completamente imunizada, ainda distante dos 80% recomendados pela OMS para conter a disseminação da covid-19, atrás de países como Camboja (86,5%), Malásia (75,1%) e Arábia Saudita (63,5%). Por outro lado, o estado de São Paulo foi o primeiro a alcançar, nesta terça-feira (9) o índice de 70% da população com o ciclo vacinal completo.

Nesse sentido, São Paulo e outros oito estados não registraram óbitos pela doença ontem. Especialistas relacionam o feito ao avanço da vacinação. “Sabemos que há variações no registro, sabemos que há atraso, sabemos de tudo isso… Mas que é uma ótima notícia, ah é… Obrigado vacina!”, comemorou o epidemiologista Pedro Curi Hallal, pesquisador e ex-reitor da Universidade Federal de Pelotas (UFPel).

Nesta terça, o Brasil registrou 183 óbitos confirmados pela covid-19, totalizando 609.756 desde o início do surto, em março de 2020. Segundo o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), os novos casos confirmados nas últimas 24 horas chegaram a 10.948.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Países da Europa, Oriente Médio e Ásia suspendem voos oriundos do sul da África após a descoberta de nova variante do coronavírus
Covid-19

Países da Europa, Oriente Médio e Ásia suspendem voos oriundos do sul da África após a descoberta de nova variante do coronavírus

26/11/2021 09:21
Países da Europa, Oriente Médio e Ásia suspendem voos oriundos do sul da África após a descoberta de nova variante do coronavírus
Por falta de mão de obra, países ricos lançam programas para atrair mais imigrantes
Imigração

Por falta de mão de obra, países ricos lançam programas para atrair mais imigrantes

24/11/2021 15:00
Por falta de mão de obra, países ricos lançam programas para atrair mais imigrantes
Ministro convida investidores árabes a confiarem no Brasil
economia

Ministro convida investidores árabes a confiarem no Brasil

15/11/2021 15:01
Ministro convida investidores árabes a confiarem no Brasil
Jornalista de MS é eleito presidente Associação de Imprensa Estrangeira (ACIE)
Comunicação

Jornalista de MS é eleito presidente Associação de Imprensa Estrangeira (ACIE)

08/11/2021 09:30
Jornalista de MS é eleito presidente Associação de Imprensa Estrangeira (ACIE)
Damares conversa sobre vacinação de indígenas com diretor-geral da OMS
mundo

Damares conversa sobre vacinação de indígenas com diretor-geral da OMS

02/11/2021 17:04
Damares conversa sobre vacinação de indígenas com diretor-geral da OMS
Últimas Notícias