Dourados – MS segunda, 20 de maio de 2024
13º
Meio ambiente

Brasil defende acordo internacional para reduzir poluição plástica

Ministro do Meio Ambiente discursou na Altice Arena, em Lisboa, onde ocorre a Conferência dos Oceanos da ONU

28 Jun 2022 - 19h15Por ONU News
Brasil defende acordo internacional para reduzir poluição plástica  -

O Brasil discursou na Conferência dos Oceanos das Nações Unidas durante a tarde de terça-feira, em Lisboa, com o Ministro do Meio Ambiente defendendo a criação de dois acordos internacionais em prol da vida marinha.

Na Altice Arena, que abriga o evento, Joaquim Leite, falou sobre a importância de um tratado global para reduzir a poluição causada por plásticos, tema que tem ganhado destaque na conferência em Portugal.

Áreas protegidas

“Um acordo juridicamente vinculante sobre a conservação e o uso sustentável da biodiversidade marinha em áreas além da jurisdição nacional. E um instrumento global para reduzir a poluição plástica, inclusive no ambiente marinho. O lixo no mar, especialmente o plástico, é um grave problema ambiental que a comunidade internacional finalmente começou a reconhecer e a estabelecer mecanismos para enfrentá-lo de forma coordenada.”

O ministro do Meio Ambiente lembrou que o país “tem uma área marinha de 5,7 milhões km2, sendo que 27% da área é protegida”.

Retirada de lixo de praias e manguezais

Na Conferência dos Oceanos da ONU, Joaquim Leite mencionou vários programas do governo para redução da poluição por plásticos, como o “Lixão Zero”, que segundo ele, já encerrou 20% dos lixões a céu aberto desde 2019. Segundo o ministro, um outro projeto envolvendo a população e voluntários retirou de praias e manguezais 637 mil itens, sendo 355 mil itens de plásticos.

A Conferência dos Oceanos da ONU segue até sexta-feira, quando deverá ser divulgado o acordo final firmado entre os países-membros em prol da vida marinha, da economia azul e da recuperação do ecossistema marinho.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Escassez grave de vacinas de cólera preocupa OMS
Saúde

Escassez grave de vacinas de cólera preocupa OMS

19/05/2024 19:30
Escassez grave de vacinas de cólera preocupa OMS
ONU diz que 85% dos Estados-membros criminalizam atos contra a vida selvagem
Legislação e prevenção de crimes

ONU diz que 85% dos Estados-membros criminalizam atos contra a vida selvagem

18/05/2024 20:30
ONU diz que 85% dos Estados-membros criminalizam atos contra a vida selvagem
ONU confirma chegada de alimentos em Gaza via doca flutuante
Ajuda humanitária

ONU confirma chegada de alimentos em Gaza via doca flutuante

18/05/2024 19:30
ONU confirma chegada de alimentos em Gaza via doca flutuante
Decisão do FMI pode gerar US$ 80 bilhões em recursos para países em desenvolvimento
Desenvolvimento econômico

Decisão do FMI pode gerar US$ 80 bilhões em recursos para países em desenvolvimento

17/05/2024 22:30
Decisão do FMI pode gerar US$ 80 bilhões em recursos para países em desenvolvimento
Chefe de direitos humanos pede a comandantes que parem escalada da violência no Sudão
Paz e segurança

Chefe de direitos humanos pede a comandantes que parem escalada da violência no Sudão

17/05/2024 21:15
Chefe de direitos humanos pede a comandantes que parem escalada da violência no Sudão
Últimas Notícias