Dourados – MS sábado, 13 de julho de 2024
12º
Esporte

Sete quebra jejum e vence o Aquidauanense

14 Mar 2016 - 06h00
Dio comemora o segundo gol do Sete contra o Aquidauense, em partida no Douradão. - Crédito: Foto: Renato Giansante/Sete de DouradosDio comemora o segundo gol do Sete contra o Aquidauense, em partida no Douradão. - Crédito: Foto: Renato Giansante/Sete de Dourados
Foram 14 jogos sem vencer no estádio Douradão, mas na noite do último sábado o Sete de Dourados finalmente conseguiu o resultado positivo em casa e derrotou o Aquidauanense por 2 a 0 para mais de 800 torcedores.


O resultado fez o time douradense manter a invencibilidade contra o rival e ainda disparar da liderança do Grupo B.


Agora são seis jogos na história contra o Aquidauanense sendo três vitórias e três empates. O Furacão Douradense chegou aos 13 pontos dentro do grupo e se aproxima de uma classificação antecipada já que o segundo colocado Águia Negra tem apenas sete pontos ao lado do Ivinhema.


Sem Eduardo Arroz, suspenso, e Bruno, machucado, o técnico Chiquinho Lima entrou com Peu e João Marcos na equipe titular. Segundo a Gazeta MS, o Sete começou mostrando que queria acabar com a "maldição do Douradão" e para isso contou com uma dupla afiada: Dio e Guilherme.


No primeiro lance de perigo, Dio lançou Guilherme, mas o atacante não conseguiu finalizar. No lance seguido, a jogada se repetiu e o artilheiro do campeonato não perdoou. Sozinho e de frente para o goleiro Aranha, o camisa 11 escolheu o canto e saiu para comemorar seu quinto gol no campeonato Estadual: 1 a 0 Sete aos 2 minutos de jogo.Após o gol, o Sete relaxou e viu o Aquidauanense criar boas chances de empatar.


O jogo ficou sonolento até que aos 31 minutos, o goleiro Aranha fez uma lambança com a ajuda de seu zagueiro.


Ao tentar afastar o perigo de sua área, o camisa 1 do Aquidauanense chutou em cima do defensor e a bola sobrou para Maranhão que antes de empurrar para o gol foi derrubado por Aranha: pênalti e expulsão do goleiro. Dio pediu para cobrar e aumentou o placar para os donos da casa.


O Aquidauanense poderia até perder o segundo goleiro expulso ainda no primeiro tempo. Em novo lançamento, Maranhã ganhou dos zagueiros na velocidade e o goleiro Glauber saiu da grande área tirando a bola com as mãos na dividida com o jogador do Sete.


O árbitro assinalou falta e mostrou apenas o cartão amarelo. Na cobrança, Dio carimbou a zaga e o primeiro tempo terminou no 2 a 0.


Com Mário Lúcio no lugar de Altino, o Sete voltou no segundo tempo trocando passes e fazendo o tempo correr. O Aquidauanense pouco assustou e viu o Sete ter paciência na criação das jogadas. Chiquinho lançou Thiaguinho Mattos e Leandrinho em busca de encontrar uma solução para furar o bloqueio defensivo do rival, mas nas poucas chances, o Sete não aproveitou.


Na melhor delas, Mário Lúcio entrou sozinho na grande área, mas acabou finalizando por cima do gol.
Com o apito final, o clima no Sete era de alívio por quebrar mais uma escrita.


"Sabíamos que uma hora a vitória iria vir no Douradão. O importante é que isso agora foi concretizado e vamos concentrar forças porque quarta-feira temos outro grande jogo e vamos precisar ter muita atenção contra o Corumbaense", disse o técnico Chiquinho Lima.


Artilheiro do campeonato, Guilherme comemorou a boa fase, mas afirmou que o time não é feito apenas com os números de jogadores na individualidade e sim como um conjunto.


"Feliz por estar saindo os meus gols, mas mais feliz por também estar saindo os do Maranhão, do Thiaguinho, do Dio, enfim, o Sete não é um ou outro jogador. Temos um grupo muito bom e nosso time está se encaixando bem", declarou o autor de cinco gols no Estadual 2016.


De folga no domingo, os jogadores que mais atuaram se reapresentam nesta segunda-feira no CT para o trabalho em preparação para o confronto de quarta-feira contra o Corumbaense, fora de casa.


Depois, o time volta a jogar no Douradão no domingo diante do Águia Negra às 15h.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ginástica rítmica: Brasil é prata em última competição antes de Paris
Esporte

Ginástica rítmica: Brasil é prata em última competição antes de Paris

há 22 minutos atrás
Ginástica rítmica: Brasil é prata em última competição antes de Paris
Fora de casa, Red Bull Bragantino perde para o Cruzeiro por 2  1
Brasileirão

Fora de casa, Red Bull Bragantino perde para o Cruzeiro por 2 1

13/07/2024 19:00
Fora de casa, Red Bull Bragantino perde para o Cruzeiro por 2  1
Novorizontino e Guarani empatam em duelo equilibrado
Série B

Novorizontino e Guarani empatam em duelo equilibrado

13/07/2024 18:45
Novorizontino e Guarani empatam em duelo equilibrado
Tobias, goleiro da invasão corintiana no Maracanã, morre aos 75 anos
Esporte

Tobias, goleiro da invasão corintiana no Maracanã, morre aos 75 anos

13/07/2024 17:45
Tobias, goleiro da invasão corintiana no Maracanã, morre aos 75 anos
MS abre Paralimpíadas Escolares com foco na inclusão e no poder do esporte em transformar vidas
Esporte

MS abre Paralimpíadas Escolares com foco na inclusão e no poder do esporte em transformar vidas

13/07/2024 12:30
MS abre Paralimpíadas Escolares com foco na inclusão e no poder do esporte em transformar vidas
Últimas Notícias