Dourados – MS sexta, 05 de março de 2021
Dourados
30º max
21º min
Influx
política

Projeto prevê punição para o repasse indevido de salário de funcionários de agentes políticos

19 Jan 2021 - 14h17Por Agência Câmara de Notícias
Luiz Philippe de Orleans e Bragança: "é preciso criar um tipo penal claro para coibir essa conduta"   Fonte: Agência Câmara de Notícias - Crédito: Gustavo Sales/Câmara dos DeputadosLuiz Philippe de Orleans e Bragança: "é preciso criar um tipo penal claro para coibir essa conduta" Fonte: Agência Câmara de Notícias - Crédito: Gustavo Sales/Câmara dos Deputados

 

Proposta criminaliza conduta conhecida como "rachadinha"

CompartilheVersão para impressão1 Comentários

18/01/2021 - 19:08  

Gustavo Sales/Câmara dos Deputados
[Debate sobre a Reforma Tributária. Dep. Luiz Philippe de Orleans e Bragança (PSL - SP)]
Luiz Philippe de Orleans e Bragança: "é preciso criar um tipo penal claro para coibir essa conduta"

O Projeto de Lei 4381/20 criminaliza a conduta conhecida como "rachadinha", modalidade de desvio de verbas em que parte do salário de funcionários de agentes políticos é enviada para o próprio contratante. A proposta está em análise na Câmara dos Deputados.

O texto prevê punição para quem participar dessa prática:

o contratante e o contratado estarão sujeitos a pena de reclusão de 3 a 15 anos e multa;
o partido político dos envolvidos terá sua participação do Fundo Eleitoral reduzida à metade na eleição que ocorrer após a apuração do fato.

O autor do projeto, deputado Luiz Philippe de Orleans e Bragança (PSL-SP), afirma que é preciso criar um tipo penal claro para coibir esse tipo de conduta. "Embora seja uma prática já conhecida e considerada comum por investigadores e especialistas, não há um consenso entre juristas sobre em qual tipo penal ela deve ser enquadrada", explica.

"E há, inclusive, aqueles que defendem que, apesar de ser imoral, a 'rachadinha' não configura crime, embora saibamos que esse argumento não se sustenta, pelo fato de se tratar de desvio de dinheiro público e enriquecimento ilícito – não declarado – de autoridades e membros de partidos políticos", afirma o parlamentar.

O projeto inclui as previsões de punição na Lei dos Partidos Políticos e no Código Penal.

Tramitação
O projeto será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) e pelo Plenário.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil tem maior número de mortes por covid-19 em um dia: 1.910 óbitos
Recorde

Brasil tem maior número de mortes por covid-19 em um dia: 1.910 óbitos

04/03/2021 08:26
Brasil tem maior número de mortes por covid-19 em um dia: 1.910 óbitos
Covid-19: mortes somam mais de 257 mil e casos passam dos 10,6 milhões
Brasil

Covid-19: mortes somam mais de 257 mil e casos passam dos 10,6 milhões

03/03/2021 08:25
Covid-19: mortes somam mais de 257 mil e casos passam dos 10,6 milhões
Governo adia novamente prazo de adoção da nova carteira de identidade
Governo

Governo adia novamente prazo de adoção da nova carteira de identidade

02/03/2021 13:00
Governo adia novamente prazo de adoção da nova carteira de identidade
Agenda 2030 integra Justiça brasileira à inovação, diz conselheira
Brasil

Agenda 2030 integra Justiça brasileira à inovação, diz conselheira

02/03/2021 11:30
Agenda 2030 integra Justiça brasileira à inovação, diz conselheira
ANS determina que planos cubram novos remédios, exames e cirurgias
Saúde

ANS determina que planos cubram novos remédios, exames e cirurgias

02/03/2021 10:39
ANS determina que planos cubram novos remédios, exames e cirurgias
Últimas Notícias