Dourados – MS sexta, 15 de outubro de 2021
Dourados
26º max
19º min
Variedades

Veja mais dicas de manutenção do motor do carro

19 Jul 2011 - 12h36
Veja mais dicas de manutenção do motor do carro -
A tecnologia automobilística tem deixado os motores cada vez mais resistentes e imunes ao 'desleixo' de motoristas pouco preocupados com uma das partes mais importantes de um veículo. No programa "Auto esporte" do último domingo (17), especialistas explicaram que o motor do carro zero quilômetro sai da fábrica pronto para ser usado, isto é, não precisa ser 'amaciado', ao contrário dos retificados (veja ao lado).

Atualmente, com inúmeras centrais eletrônicas e sensores, basta o proprietário seguir algumas regras simples para não ter dor de cabeça mais tarde. Sair acelerando logo nos primeiros quilômetros para evitar que o carro zero, como diriam os mais antigos, fique “amarrado” não desenvolve o máximo de potência e torque.

“Atualmente os processos de produção são mais digitais, a manufatura robotizada e os materiais dos componentes evoluíram, o que tornou desnecessária a prática de amaciar o motor”, explica Reinaldo Nascimbeni, supervisor de serviços técnicos da Ford, um dos consultados pelo programa. “Os motores são testados até 240 mil km. Isso não significa que, após esta quilometragem, eles acabam. Hoje existem veículos com 300 mil, 350 mil km rodando perfeitamente”, completa.

Motores retificados

No caso dos motores retificados, as regras mudam um pouco. De acordo com o proprietário de retífica Odacir Cattaneo, os blocos refeitos precisam passar por um processo de amaciamento. “Por ser o processo de usinagem mais artesanal, que não utilizam peças originais, mas de primeira linha, os componentes demoram um pouco mais para encaixarem perfeitamente”, revela.

De acordo com ele, nos primeiros 1.500 km o motorista deve evitar longos períodos de marcha lenta e acelerações excessivas, elevando as rotações ao limite. “As pessoas têm mania de ligar o carro pela manhã e deixá-lo esquentando. Isso não pode. Também não pode sair acelerando o carro na saída da retífica.” Para Cattaneo, é preciso achar um meio termo, com variação das rotações. “Um motor retificado que não é amaciado corretamente, deixa folga nas peças e provoca, por exemplo, o consumo mais elevado dos fluídos”, explica.

No caso de o serviço ser de qualidade, um bloco refeito deve durar, pelo menos, 80% da quilometragem de um motor comum. “É preciso seguir os mesmo padrões de um motor zero. Levar o veículo às revisões periódicas, utilizar sempre combustível de qualidade, aditivos e sempre efetuar a troca de óleo nos períodos corretos”, conclui.

Deixe seu Comentário

Leia Também

A importância do Pet na vida da família
Dia Mundial dos Animais

A importância do Pet na vida da família

04/10/2021 15:00
A importância do Pet na vida da família
Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca
Variedades

Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca

30/09/2021 17:00
Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca
Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021
Turismo

Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021

29/09/2021 16:15
Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021
Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada
Lei do Ventre Livre

Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada

28/09/2021 09:30
Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada
Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário
IMPRESSO

Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário

05/07/2021 13:00
Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário
Últimas Notícias