Dourados – MS segunda, 06 de julho de 2020
Dourados
28º max
19º min
Pets

Rejeição por atuais prefeitos pode dificultar reeleição de Alcides Bernal

12 Jan 2016 - 07h00
Bernal deverá encontrar dificuldades para buscar novo mandato. - Crédito: Foto: DivulgaçãoBernal deverá encontrar dificuldades para buscar novo mandato. - Crédito: Foto: Divulgação
Não é apenas o fato de tocar uma gestão cambaleante e recheada de idas e vindas (perdeu o mandato por um período tampão de 2014 até o ano passado) que ameaça o projeto de reeleição do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP).


Uma pesquisa feita pelo Ibope recentemente, acerca das chances que cada um dos prefeitos das capitais tem de se reeleger mostra que apenas 22% dos eleitores pretendem votar nesses gestores, de norte a sul do país.


Segundo o Ibope, além de analisar a performance de cada gestor no âmbito de seus métodos administrativos (como seu desempenho, por exemplo, em áreas prioritárias como as da saúde e educação, setores que Bernal deixou muito a desejar), o eleitor neste ano deverá levar em conta, na hora de digitar o seu voto na urna eletrônica, os escândalos atribuídos aos candidatos e a crise econômica e política do país.


Além disso, segundo o Ibope, contará pontos na decisão do eleitor episódios como o do Petrolão, fator que passou a desacreditar o eleitorado como um todo no país, e o número decrescente de eleitores dispostos a validar seus votos.


O Ibope também analisou que os prefeitos atuais que buscarão a reeleição também devem enfrentar um número maior de adversários, por causa do aumento no número de partidos com registro na Justiça Eleitoral (35) e representação na Câmara dos Deputados - eram 22 e passaram a ser 28 em 2015, consequentemente, eles possuem tempo de TV no horário eleitoral gratuito e participação do Fundo Partidário, trunfos ainda mais importantes a partir de 2016.


O Ibope ressalta, por outro lado, que os atuais prefeitos podem levar vantagem perante seus adversários se levado em conta, por exemplo, o trunfo de irem para a disputa com a máquina administrativa nas mãos e o fato de serem mais lembrados pelo eleitor justamente por estarem no poder.


De acordo com o Ibope, os atuais detentores de cargos também podem ser beneficiados com a redução do tempo de propaganda eleitoral de noventa para 45 dias - o que dificulta para candidatos desconhecidos ou estreantes - e a proibição das doações por empresas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Adoção de animais domésticos é opção em meio ao isolamento social
Adoção de Pets

Adoção de animais domésticos é opção em meio ao isolamento social

28/05/2020 15:31
Adoção de animais domésticos é opção em meio ao isolamento social
Últimas Notícias