Dourados – MS quarta, 21 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Política

Partidos esperam crescer com candidatura própria

18 Mai 2011 - 22h16
Presidente regional do PTB Ivan Louzada - Crédito: Foto : divulgaçãoPresidente regional do PTB Ivan Louzada - Crédito: Foto : divulgação
CAMPO GRANDE - Partidos, como PSDB, DEM, PMDB e PTB, entre outros, esperam oxigenar suas bases eleitorais por meio de candidatura própria à presidência da República nas eleições de 2014.



Na prática, além do interesse em eleger o maior número de prefeitos e vereadores em 2012 e chegar fortalecido na disputa para os governos estaduais, a ideia dos dirigentes dessas legendas é colocar ponto final a hegemonia do PT, que segue para os 12 anos consecutivos à frente do Palácio do Planalto.

O presidente regional do PTB, Ivan Louzada, acredita que o partido pode crescer pelo menos 30% a partir da candidatura própria à presidência da República, nas eleições de 2014.

O assunto foi discutido por ele e os principais líderes da legenda durante grande encontro ocorrido no último fim de semana na Bahia, quando o PTB comemorou 66 anos de fundação.

O presidente nacional da sigla, Roberto Jefferson, confirmou que os petebistas devem lançar candidatura própria, até para reforçar o partido nos estados.

Mesmo sendo o nome mais cogitado no momento, não disse que será o candidato a presidente.

“Ele não disse que será o candidato, mas conversamos e o nosso entendimento é que o PTB não só de Mato Grosso do Sul, mas de outros estados, poderá crescer pelo menos 30% a partir desse projeto político”, afirmou Louzada.

As candidaturas a prefeito e a vereador em 2012 também foram tema de discussão no encontro. O presidente regional do PTB deixou claro que lançará candidatos “onde for possível”, visando, sobretudo, o crescimento do partido.

“Aqui vou lançar onde tiver condições. E estamos com as portas abertas para quem quiser ajudar o partido. Não vamos fazer restrições a ninguém”, comentou.

No dia 25 deste mês, Ivan Louzada deve participar de reunião da executiva nacional do PTB para debater as eleições de 2012. A orientação da cúpula do partido é não firmar coligação na proporcional no próximo pleito.

NANICOS

Esse projeto de crescimento envolve até mesmo os partidos de menor expressão eleitoral, os chamados nanicos, como o PRP, e a nova legenda criada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, o PSD.


“Estamos fazendo mutirão em todos os estados para o fortalecimento do partido. Minha missão é chegar em agosto nos 78 municípios de Mato Grosso do Sul”, declarou o presidente regional do PRP, Dorival Betini, que aponta como alternativas à sucessão de Dilma os republicanos Jânio Natal (BA) e Chico das Verduras (RO), além do presidente nacional da legenda, Ovasco Resende. “Tudo vai depender da reforma política”, acrescentou Betini.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Candidatos apostam em nomes criativos para a disputa
Eleições 2020

Candidatos apostam em nomes criativos para a disputa

há 51 minutos atrás
Candidatos apostam em nomes criativos para a disputa
Senado autoriza que BNDES faça empréstimo internacional
US$ 750 milhões

Senado autoriza que BNDES faça empréstimo internacional

21/10/2020 07:36
Senado autoriza que BNDES faça empréstimo internacional
Projeto de Marçal cria campanha de incentivo à vacinação em MS
Mato Grosso do Sul

Projeto de Marçal cria campanha de incentivo à vacinação em MS

20/10/2020 13:59
Projeto de Marçal cria campanha de incentivo à vacinação em MS
Veja as propostas dos candidatos a prefeito de Dourados para a educação
Política

Veja as propostas dos candidatos a prefeito de Dourados para a educação

20/10/2020 13:49
Veja as propostas dos candidatos a prefeito de Dourados para a educação
STF confirma não ser obrigatório portar título de eleitor para votar
Eleições 2020

STF confirma não ser obrigatório portar título de eleitor para votar

20/10/2020 11:24
STF confirma não ser obrigatório portar título de eleitor para votar
Últimas Notícias