Dourados – MS segunda, 19 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Política

Geraldo propõe discussão de ferrovias

15 Mai 2011 - 22h03
Geraldo discutiu com o ministro Alfredo a implantação da Ferrovia do Pantanal em MS - Crédito: Foto: Rodrigo PaelGeraldo discutiu com o ministro Alfredo a implantação da Ferrovia do Pantanal em MS - Crédito: Foto: Rodrigo Pael
DOURADOS - O deputado Geraldo Resende (PMDB-MS) vai convocar todos os deputados e senadores da bancada federal para definir, em seminário estadual, quais os melhores traçados ferroviários para Mato Grosso do Sul. “Essa não é luta solitária de apenas um deputado, mas de todos os parlamentares”, observa Geraldo, que já tinha defendido a realização de seminário, mas teve que esperar a formação do grupo de trabalho encarregado dos estudos para encaminhar a proposta.

Coordenador da bancada federal, Geraldo Resende disse que o seminário deve discutir não apenas a ferrovia que interligará Mato Grosso do Sul e Paraná, mas também os traçados alternativos ligando MS a São Paulo. Segundo ele, além da bancada federal e participação de parlamentares estaduais, o seminário deve reunir técnicos e especialistas, tendo como convidados especiais os governadores André Puccinelli e Beto Richa (PR), além do diretor-presidente da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), Bernardo Figueiredo, e o presidente da Valec – Engenharia, Ferrovias e Construções S/A, e o deputado Eduardo Sciaria (DEM-PR).

Há um mês, no dia 12 de abril, Geraldo se reuniu com o ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, para tratar da construção de ramais, a partir da extensão dos troncos ferroviários Norte-Sul e Ferroeste, permitindo assim a implantação da Ferrovia do Pantanal por meio de ramais interligando as regiões Leste (Aparecida do Taboado), Sul (Dourados e Mundo Novo) e Oeste (Maracaju).

Segundo Geraldo Resende, o plano que prevê a expansão da malha ferroviária é estratégico, porque vai eliminar gargalos de logística e transportes que impedem a economia do Estado e de toda região Centro Oeste de se desenvolver. Atualmente, há apenas uma linha ferroviária que liga Mato Grosso do Sul a um porto, o de Santos.

Proposta - Em Mato Grosso do Sul, a meta é interligar o Estado à malha ferroviária nacional por meio de um ramal que incorpore o sistema estadual à Ferrovia Norte-Sul pelo município de Aparecida do Taboado até Estrela D`Oeste (SP), passando por Três Lagoas e Brasilândia, com um entroncamento com a Ferroeste (Ferrovia do Pantanal) a partir de Maracaju, passando por Dourados, Mundo Novo, até Paranaguá (PR).

Os traçados prevêem um ramal interligando a Ferrovia do Pantanal, na região de Maracaju, até Cascavel, no Paraná, passando por Dourados e Mundo Novo (MS) – Guaíra e Cascavel (PR), seguindo até o porto de Paranaguá; um ramal de Estrela do Oeste/Panorama (SP) interligado à Ferronorte, passando por Aparecida do Taboado, Três Lagoas, Nova Andradina e Dourados, onde os dois troncos se confluem e se interligam ao Paraná passando por Mundo Novo.
Há, ainda, a ideia do terceiro ramal, ligando Dourados, Maracaju e Porto Murtinho.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas
Comissões

Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas

19/10/2020 11:15
Senado tem semana de esforço concentrado para sabatinas
Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes
política

Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes

19/10/2020 10:12
Bolsonaro participa da abertura de fórum econômico com países árabes
Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS
Lei

Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS

19/10/2020 09:38
Semana de Combate ao Relacionamento Abusivo é instituída em MS
Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade
política

Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade

17/10/2020 15:37
Maia nega possibilidade de prorrogar estado de calamidade
política

Dia Mundial da Alimentação: senadores alertam para riscos de aumento da fome no Brasil

17/10/2020 10:08
Últimas Notícias