Dourados – MS domingo, 14 de julho de 2024
10º
Policia

Cinco BR’s de MS têm aumento no número de mortes em 2015

16 Jan 2016 - 07h00
Acidente entre caminhão e van na BR-267 teve registro de 11 mortes em setembro do ano passado. - Crédito: Foto: ArquivoAcidente entre caminhão e van na BR-267 teve registro de 11 mortes em setembro do ano passado. - Crédito: Foto: Arquivo
O balanço oficial divulgado esta semana pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) celebra uma diminuição geral de 31% nos casos de mortes em acidentes nas rodovias federais que cortam o Mato Grosso do Sul, puxada, principalmente, por melhores números nas BR’s 163,060 e 262. No entanto, das oito rodovias listadas, cinco delas tiveram aumento de óbitos causados por acidentes. Felizmente, os dados de acidentes tiveram queda em todas as rodovias.


Entre as que tiveram aumento estão as BR’s 158, 267, 359, 419 e 463. A BR-267 foi a que registrou maior aumento, com 4 mortes em 2015 na comparação com 2014. Eram 24 mortes naquele ano contra 28 em 2015. Esta rodovia corta o Estado desde Bataguassu, extremo leste, até a cidade de Porto Murtinho, extremo oeste. Nesta estrada, no ano passado, um acidente envolvendo van de transporte de passageiros matou onze pessoas.


Outra estrada que teve aumento de óbitos foi a BR-463, com três casos a mais em relação a 2014. O trecho de 120 quilômetros entre Dourados e Ponta Porã é movimentado acesso a zona de comércio de Pedro Juan Caballero. Eram 7 mortes em todo o ano de 2014 e foram 10 no ano passado.


A BR-359 também teve aumento. Duas mortes a mais. Esta estrada tem início em Coxim e segue até a região de Alto Taquari, quando adentra Goiás, com sentido a cidade de Mineiros. Nesta rodovia, em 2014, haviam sido registradas 3 mortes. Em 2015 foram 5.


Outras duas BR’s tiveram aumento de uma morte. A BR-158 que segue de Cassilândia até a cidade de Brasilândia, margeando os limites de MS e São Paulo havia registrado 21 mortes em 2014, dado que aumentou para 22 no ano passado. Por fim, a BR-419 que não havia registrado óbito em 2014, teve uma morte em 2015. Esta BR parte de Jardim, passando por Aquidauana, no sentido norte, até terminar onde inicia as MS’s 427 e 228.


Com 22 postos e 10 delegacias em MS, a PRF tem 3761 quilômetros de rodovias federais para fiscalizar. Curiosamente, estas são as que têm maior fluxo de veículos, já que ligam o Estado as unidades da federação vizinhas. São 454 policiais que atuam não somente no combate aos crimes de trânsito, mas também na apreensão de ilícitos, como o tráfico de drogas, o contrabando e o roubo de veículos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia Civil prende em flagrante autor de tentativa de homicídio
Ribas do Rio Pardo

Polícia Civil prende em flagrante autor de tentativa de homicídio

14/07/2024 12:30
Polícia Civil prende em flagrante autor de tentativa de homicídio
Polícia Civil prende em flagrante homem por tráfico de drogas
Dourados

Polícia Civil prende em flagrante homem por tráfico de drogas

14/07/2024 09:15
Polícia Civil prende em flagrante homem por tráfico de drogas
Polícia Civil recupera fios de cobre furtados e prende autor
Fátima do Sul

Polícia Civil recupera fios de cobre furtados e prende autor

14/07/2024 09:00
Polícia Civil recupera fios de cobre furtados e prende autor
Ex-secretário de Obras é encontrado morto a tiros
Ivinhema

Ex-secretário de Obras é encontrado morto a tiros

14/07/2024 08:45
Ex-secretário de Obras é encontrado morto a tiros
Polícia Civil prende suspeito por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo
Campo Grande

Polícia Civil prende suspeito por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo

13/07/2024 18:30
Polícia Civil prende suspeito por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo
Últimas Notícias