Dourados – MS sábado, 08 de maio de 2021
Dourados
26º max
12º min
Bebês e Crianças

Dançando na Capital

29 Abr 2011 - 08h00
Dançando na Capital - Crédito: Foto : Marcos Ribeiro Crédito: Foto : Marcos Ribeiro

O Studio Blanche Torres e a Companhia Dome, de Dourados, se apresentam hoje e amanhã no “MS EnDança”. O evento que começou na quarta-feira e segue até sábado, no Teatro Glauce Rocha, localizado no campus da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), reúne bailarinos e espetáculos de dança.

O evento tem como objetivo aumentar o estímulo e a busca pela qualidade e profissionalismo da dança no Estado, oferecendo troca de experiências. A edição conta com a participação de mais de 650 bailarinos vindos das cidades de Dourados, Campo Grande, Dois Irmãos do Buriti, Aquidauana, Naviraí, Coxim e Corumbá, além de convidados especiais como: a Raça Cia.

de Dança, de São Paulo, com o espetáculo “Cartas Brasileiras”, Cícero Gomes e Márcia Jacqueline, bailarinos do Theatro Municipal do Rio de Janeiro com Grand Pas-de-Deux do repertório clássico e a presença de Ivan Grandi, diretor, redator e jornalista responsável pela revista Dança Brasil, dentre outros.

A programação do evento prevê para esta sexta-feira a partir das 20h, apresentações de dança contemporânea e jazz. A Cia de Dança Dome, com concepção e direção de Blanche Torres, estará hoje no palco do Teatro Glauce Rocha, mostrando coreografias de jazz e “Alguém Para Cuidar de Mim”. Nesta sexta-feira, também o Studio Blanche Torres, presenteia o público do “MS EnDança”, com a coreografia “Urbanóides”. Amanhã, a programação tem início ás 18h30, com grupos infanto juvenil de dança, com o intuito de incentivar os novos talentos da dança no Mato Grosso do Sul.

Na Mostra Adulta, o enfoque será dedicado as coreografias de dança de rua e danças clássicas. Dentre os destaques estão o Studio Blanche Torres, com a coreografia “Tango em Vermelho”, com concepção da bailarina Társila Bonelli e direção de Blanche Torres. No encerramento do encontro de dança, a sensualidade e beleza do tango, com os bailarinos convidados de Buenos Aires, Alberto Sendra e Fernanda Japas.

O evento é organizado pela Associação Sul-Mato-Grossense dos Profissionais de Dança e é patrocinado pelo Fundo de Investimentos Culturais de Mato Grosso do Sul. “O governo do Estado investe na difusão e fortalecimento da dança através do “MS EnDança” porque acredita na sua importância como arte capaz de expressar as nossas raízes culturais, revelando muito da nossa potencialidade nessa área”, explica Américo Calheiros, diretor-presidente da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul.

A entrada no evento tem o valor de R$ 10 para o público em geral, pagam meia entrada (R$ 5), aqueles que se beneficiam por leis específicas: idosos, estudantes e professores; além dos bailarinos devidamente identificados. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3316-9319.

Deixe seu Comentário