Dourados – MS quarta, 22 de maio de 2024
20º
ALEMS

Deputados debatem questão indígena e compra de terras em MS

O deputado Pedro Kemp (PT) registrou a vinda do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, Lula (PT), unidade do frigorífico JBS

16 Abr 2024 - 21h00Por Christiane Mesquita, Agência ALEMS
O debate sobre o tema que já acontecei em plenário foi levado à tribuna pelo deputado Zé Teixeira - Crédito: Luciana Nassar/ALEMSO debate sobre o tema que já acontecei em plenário foi levado à tribuna pelo deputado Zé Teixeira - Crédito: Luciana Nassar/ALEMS

A questão indígena é um tema recorrente no plenário sul-mato-grossense. Durante a sessão plenária desta terça-feira (16), os deputados da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), comentaram fala que houve na visita do presidente Lula do PT (PT) ao Estado, na última sexta-feira (12).

Kemp abordou a questão indígena

O deputado Pedro Kemp (PT) registrou a vinda do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, Lula (PT), unidade do frigorífico JBS. “Veio fazer a abertura do mercado da China para a carne do Mato Grosso do Sul e isso vai significar um aumento muito significativo para a exportação do mercado para aquele País. Haverá aumento de geração de emprego e renda, porque a capacidade de produção daquele frigorífico irá dobrar”, afirmou.

Sobre a questão indígena, o deputado relatou fala de Lula, dirigida ao governador Eduardo Riedel. “Ele convidou o governador Riedel a buscar uma solução para o conflito indígena, procurar uma terra a ser desapropriada e custeada pela União para ampliar a reserva indígena de dourados. Sinalização importante para dirimir esse conflito, solução tranquila e pacífica e espero que com a participação da comunidade indígena”, destacou o deputado Pedro.

Pedrossian pede justiça aos produtores

Para o deputado Pedrossian Neto (PSD), há outras questões a serem consideradas. “Considero que depois de 30 anos de conflito, comprar outra fazenda não é uma forma correta de tratar essa questão, cumpra-se a lei, indenizar produtores rurais que tiveram suas terras invadidas, julgamento do marco temporal. Confisco não! Não vamos aceitar remendo, os produtores rurais devem ser tratados de forma correta”, exclamou.

Gerson ressaltou desenvolvimento de MS

Na oportunidade, o deputado Gerson Claro (PP), presidente da ALEMS, manifestou-se sobre o assunto. “Quando uma ação é de Estado, não podemos interpretar como ação de Governo, política partidária e posicionamento ideológico e extremista, que atrapalhe qualquer gestão, o Governador e o Presidente estão de parabéns, o presidente não é da direita ou da esquerda, é presidente do Brasil e Mato Grosso do Sul segue no rumo do desenvolvimento como o anúncio da transição energética, produção de laranja e a venda da carne para a China”, completou.

Na tribuna, o deputado Zé Teixeira (PSDB), falou sobre a questão indígena, que existe aqui em Mato Grosso do Sul, há cerca de 30 anos. “Parabenizo também o presidente Lula por ter vindo em Mato Grosso do Sul, o compromisso dele em ajudar o setor do País que sustenta o Brasil. Nós temos que fazer jus a melhor ministra que houve nesse país, que administrou para rico, pobre, classe média, titulou terras na reforma agrária. O que mais precisamos do presidente é dar dignidade ao pobre, ao médio, ao rico, às pessoas que produzem”, elencou.  

“Em relação à questão indígena, discordo plenamente do deputado Pedro Kemp. Em 1923, os índios eram proprietários da terra, cada etnia recebia um título emitido pelo Governo igual qualquer produtor rural. As famílias cresceram e o tamanho da terra é um só. Não há necessidade de procurar terra, e sim acertar com as famílias de terras invadidas e pagar o título da terra. Não existe presidente para dois tipos de pessoas. Ele deve governar para todos”, detalhou o deputado Zé Teixeira.

Lidio considera que é necessário dar dignidade, não só a terrra

O deputado Lidio Lopes (Patriota), reiterou a importância do assunto. “Essas questões nos preocupam. Desde que vim para a Casa de Leis a reforma agrária e as pessoas encima de terra sem a mínima estrutura, sem fazer nada, me preocupava. A titulação de terras feita pela ministra Tereza Cristina foi muito importante. É necessário sobreviver trabalhar com dignidade, e só apenas dar a área sem dignidade para as pessoas, não adianta”, disse.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Projeto inclui secretário municipal na lei de crime de responsabilidade municipal
Política

Projeto inclui secretário municipal na lei de crime de responsabilidade municipal

22/05/2024 06:30
Projeto inclui secretário municipal na lei de crime de responsabilidade municipal
Apesar de promessa, Lula não retomou nenhuma obra da Educação em MS
Política

Apesar de promessa, Lula não retomou nenhuma obra da Educação em MS

21/05/2024 20:05
Apesar de promessa, Lula não retomou nenhuma obra da Educação em MS
Ordem do Dia: Revisão salarial dos servidores estaduais segue à sanção
ALEMS

Ordem do Dia: Revisão salarial dos servidores estaduais segue à sanção

21/05/2024 19:30
Ordem do Dia: Revisão salarial dos servidores estaduais segue à sanção
Lula anuncia medidas para aliviar cofres de prefeituras
Política

Lula anuncia medidas para aliviar cofres de prefeituras

21/05/2024 18:45
Lula anuncia medidas para aliviar cofres de prefeituras
Municípios constroem proposta de enfrentamento às mudanças climáticas
Politica

Municípios constroem proposta de enfrentamento às mudanças climáticas

21/05/2024 18:30
Municípios constroem proposta de enfrentamento às mudanças climáticas
Últimas Notícias