Dourados – MS domingo, 24 de outubro de 2021
Dourados
27º max
20º min
Ranking Valor Econômico
Policia

PMA divulga balanço da Operação Piracema

02 Mar 2011 - 20h14
PMA apresenta dados positivos da Operação Piracema - Crédito: Foto:Edemir RodriguesPMA apresenta dados positivos da Operação Piracema - Crédito: Foto:Edemir Rodrigues
CAMPO GRANDE - Após quatro meses de Operação Piracema a Polícia Militar Ambiental apresenta um resultado de 69 pessoas presas acusadas de pesca predatória e 948 quilos de pescado apreendido. A PMA constatou, que o período de defeso, que iniciou no dia 5 de novembro do ano passado e terminou na última segunda-feira, foi o que registrou o menor índice de pescado recolhido, representando pouco mais da metade, do que foi apreendido durante a piracema passada.

Outro ponto verificado pela PMA foi a diminuição do número de presos em relação ao período de defeso que terminou em fevereiro do ano passado, quando foram registradas 98 prisões. Este ano, foram 31 a menos.

Ainda de acordo com a Polícia Ambiental, os resultados apontam que a estratégia adotada na Operação Piracema, destinando a fiscalização nos pontos críticos, como cachoeiras e corredeiras, tem dado certo e os recursos pesqueiros do Estado estão sendo bem conservados. Com a fiscalização intensiva, um grande número de pessoas foram presas no início das pescarias, ou seja, sem que tivessem conseguido capturar grande quantidade de pescado.


O balanço apresenta ainda o valor total de multas aplicadas durante a operação. Ao todo, foram aplicados R$ 101,5 mil em multas para pescadores que infringiram as regras do período de defeso.

Nas fiscalizações os policiais apreenderam ainda 957 anzóis de galho, nove barcos, uma canoa, 50 molinetes, 35 caniços e 35 espinhéis, 1,5 mil iscas, nove motores de popa, 103 redes, 17 veículos e 44 tarrafas.

A quantidade de petrechos de pesca, barco e motores de popa apreendidos está dentro do que se apreendeu em piracemas anteriores, embora menores do que no defeso passado, informa a PMA.

#####PREVENÇÃO

A PMA prossegue com efetivo empenhado em algumas regiões mesmo após a abertura da pesca. O objetivo é dar prosseguimento a operação e prevenir a pesca predatória.

O Comando da PMA deve manter instalado por tempo indeterminado o Posto Avançado que foi montado durante a piracema na Cachoeira do Sossego, no rio Aquidauana, próximo à cidade de Rochedo.

A ação se deve ao fato de haver uma grande incidência de problemas de pesca predatória na região de Rochedo e Corguinho. Este posto não foi desativado depois da piracema passada. Conforme a policia ambiental, o local trata-se de um ponto estratégico para a fiscalização.

O alerta da polícia ambiental é de que as pessoas que irão praticar a pesca cumpram as leis, uma vez que mesmo com a abertura várias atitudes continuam sendo crimes, inclusive, com as mesmas penas de pescar em período de piracema.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Nova suspeita de explosão de bombas mobiliza Polícia no parque dos Ipês
Dourados

Nova suspeita de explosão de bombas mobiliza Polícia no parque dos Ipês

22/10/2021 14:15
Nova suspeita de explosão de bombas mobiliza Polícia no parque dos Ipês
Ameaça de massacre causa pânico em alunos da Escola Presidente Vargas
Dourados

Ameaça de massacre causa pânico em alunos da Escola Presidente Vargas

22/10/2021 13:45
Ameaça de massacre causa pânico em alunos da Escola Presidente Vargas
Polícia

Operação Vetus 2 investiga crimes contra idosos

15/10/2021 11:30
Jovem vai preso em Dourados após morte cruel de cachorro
Dourados

Jovem vai preso em Dourados após morte cruel de cachorro

13/10/2021 10:30
Jovem vai preso em Dourados após morte cruel de cachorro
Estudante de medicina brasileira é a 5ª vítima de atentado em Pedro Juan Caballero
fronteira

Estudante de medicina brasileira é a 5ª vítima de atentado em Pedro Juan Caballero

12/10/2021 10:05
Estudante de medicina brasileira é a 5ª vítima de atentado em Pedro Juan Caballero
Últimas Notícias