Dourados – MS segunda, 21 de setembro de 2020
Dourados
26º max
15º min
Economia

VBP da agropecuária atinge R$ 27 bilhões em 2016, segundo previsão do Sistema Famasul

09 Ago 2016 - 17h21
VBP da agropecuária atinge R$ 27 bilhões em 2016, segundo previsão do Sistema Famasul -
O VBP – Valor Bruto de Produção, referente ao setor agropecuário, deve finalizar 2016 com o acumulado de R$ 26,95 bilhões. Esta é a projeção do Departamento de Economia do Sistema Famasul – Federação de Agricultura e Pecuária de MS divulgada nesta terça-feira (09). O montante previsto é 14,24% maior que os R$ 23,59 bilhões registrados em 2015.


Na avaliação do presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, o resultado previsto para este ano reflete o desempenho do profissionalismo do setor produtivo. "O VBP nada mais é que a renda obtida pelo setor agropecuário e comprova como o trabalho desenvolvido pelos produtores rurais é potencializado por um perfil dinâmico, tecnificado e empreendedor".


Na agricultura, o VBP está estimado em R$ 17,45 bilhões, com alta de 21,4% em relação a 2015, quando o montante foi de R$ 14,4 bilhões. "O destaque foi o mercado do milho, cuja previsão de aumento do VBP é de 42,1%. Este segmento registrou queda na produção, entretanto, os preços subiram consideravelmente", reforça a gestora do Departamento de Economia da instituição, Adriana Mascarenhas.


Já na pecuária, o indicador financeiro apresenta alta de 1,7%, previsto em R$ 9,4 bilhões. Dois segmentos apresentaram cenários distintos, enquanto o leite contabiliza redução de 11,1%, o mercado bovino pode aumentar aproximadamente 2%.


"A suinocultura e a avicultura tiveram leves valorizações no VBP, mas por motivos diferentes. Por um lado, a produção de aves apresentou uma produção estável, entretanto os preços subiram consideravelmente. Já o volume de carne suína no Estado cresceu 9,54%, enquanto os valores praticados caíram".


Sobre o Sistema Famasul


O Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS) é um conjunto de entidades que dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio e representam os interesses dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul. É formado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural (Funar), Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS) e pelos sindicatos rurais do Estado.

O Sistema Famasul é uma das 27 entidades sindicais que integram a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Como representante do homem do campo, põe seu corpo técnico a serviço da competitividade da agropecuária, da segurança jurídica e da valorização do homem do campo. O produtor rural sustenta a cadeia do agronegócio, respondendo diretamente por 17% do PIB sul-mato-grossense.

Deixe seu Comentário