Dourados – MS sábado, 15 de agosto de 2020
Dourados
27º max
19º min
Segurança e Saúde JBS
Hospital

Pacientes são transferidos para nova UTI do Hospital da Vida

11 Jul 2016 - 19h31
Murilo e outras autoridades inauguraram ontem dez novos leitos de UTI do Hospital da Vida. - Crédito: Foto: Hédio FazanMurilo e outras autoridades inauguraram ontem dez novos leitos de UTI do Hospital da Vida. - Crédito: Foto: Hédio Fazan
Os pacientes que estavam internados na antiga Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital da Vida seriam transferidos ontem mesmo para os dez novos leitos da UTI que passou a funcionar na unidade hospitalar. Os leitos foram inaugurados, ontem de manhã, pelo prefeito Murilo e várias autoridades.


O Hospital da Vida, que oferece atendimento de alta e média complexidade a 33 municípios da região através do SUS, funcionava com dez leitos de UTIs. "Desde quando assumimos o Hospital da Vida em 2013, apesar de todas as dificuldades, nosso objetivo sempre foi prezar pelo bom atendimento e a nova UTI, de alto padrão, faz parte dessa busca incessante que temos em melhorar o atendimento à população", disse o prefeito Murilo, durante ato da entrega da nova ala.


De acordo com o secretário municipal de Saúde, Sebastião Nogueira, a ala antiga vai passar por reforma por um período de 30 dias, aproximadamente. Quando terminar o trabalho, o Hospital da Vida vai passar a contar com mais dez leitos de UTI, subindo para 20 unidades, o que significa a ampliação das atividades e atendimentos após a reativação da antiga ala. "Vamos reformar a UTI, adequar todo o sistema a melhores condições de atendimento aos pacientes, depois teremos 20 leitos de UTI", explicou o secretário de Saúde, Sebastião Nogueira.


Ele pontuou que o contrato com a Intensicare, empresa contratada pela Fundação de Serviços de Saúde de Dourados (Funsaud) para gestão dos 20 leitos de UTI do Hospital da Vida, prevê a gestão de todo o serviço de UTI do Hospital, incluindo recursos humanos, insumos, medicamentos, equipamentos e outros. O diretor geral da Intersicare, o médico, Rodrigo Teixeira Aquino, disse que a implantação dos leitos em Dourados foi em tempo recorde de 30 dias e que a UTI é de padrão igual ou superior que a maioria das UTIs de outras cidades do país.

Parceria


O secretário de Saúde, Sebastião Nogueira, frisou que o Estado vai pagar mensalmente para a empresa terceirizada R$ 510 mil pela locação dos dez leitos. Os recursos serão repassados para a Funsaud que vai pagar a empresa terceirizada. Cada leito de UTI tem um custo diário de R$ 1.680,00.


O secretário fez questão de frisar que a Intensicare ficará responsável pelas despesas da equipe que vai trabalhar na nova UTI, incluindo médicos e demais profissionais. "Medicamentos e insumos utilizados no atendimento aos pacientes também serão de responsabilidade da empresa, inclusive a manutenção", explicou.

Deixe seu Comentário