Dourados – MS terça, 22 de setembro de 2020
Dourados
27º max
14º min
Dia-a-Dia

Geraldo viabiliza recursos para asfalto em 25 bairros

28 Dez 2015 - 09h54
Obras de pavimentação poderão ser retomadas nos próximos dias em 9 bairros de Dourados. - Crédito: Foto: DivulgaçãoObras de pavimentação poderão ser retomadas nos próximos dias em 9 bairros de Dourados. - Crédito: Foto: Divulgação
O deputado federal Geraldo Resende viabilizou recursos que vão contemplar um total de 25 bairros de Dourados. Somando os recursos federais com as contrapartidas estaduais, os investimentos passam de R$ 21 milhões.


Para contemplar novas frentes de asfalto em 16 bairros, o deputado anunciou que a Caixa Econômica Federal (CEF) aprovou projetos cadastrados pelo Governo do Estado para. Os recursos federais articulados pelo deputado federal Geraldo Resende, no valor de R$ 3.954.600,00 foram empenhados pelo Ministério das Cidades no dia 9 de abril.


Com a aprovação dos projetos, o Governo do Estado poderá realizar o processo licitatório para a escolha da empresa que vai executar as obras. Depois disso, a Caixa Econômica poderá autorizar a ordem de início dos serviços, a fim de que as obras possam começar.


Além dos R$ 3,9 milhões empenhados, há o compromisso do governador Reinaldo Azambuja de aplicar, em recursos estaduais o mesmo montante, o que vai totalizar investimentos de quase R$ 8 milhões. Para chegar ao estágio atual, foi necessário que o deputado Geraldo Resende fizesse gestões políticas e apresentasse argumentos técnicos à Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República.

Bairros


Os projetos aprovados e os recursos empenhados possibilitarão obras nos bairros Jardim Maipu, Jardim Maracanã, Jardim Santa Hermínia, Jardim Pantanal, Jardim Leste, Jardim Santa Maria, Chácara 134, Jardim Yoshikawa, Jardim Porto Belo, Vila Cachoeirinha, Canaã VI, Vila Bela, Estrela Hori e Jardim Carisma. Os bairros Estrela Pytã e Canaã I também serão beneficiados com a implantação de asfalto em pequenos trechos de ruas.


Para chegar ao montante de R$ 8 milhões em recursos para a execução de novas frentes de asfalto em Dourados o deputado Geraldo Resende firmou um acordo com governador Reinaldo Azambuja a fim de que o Governo do Estado alocasse o mesmo valor viabilizado pelo parlamentar, por meio de recursos federais.


“O governador Reinaldo Azambuja tem plena consciência da importância de Dourados e estamos conversando para colocar em prática um plano de ação que visa um novo momento para o município com investimentos, velocidade e qualidade na execução de obras”, explica Geraldo Resende, observando que nesta parceria, o prefeito de Dourados, Murilo Zauith ficou responsável pelos projetos técnicos.

Pagamentos


Outros 9 bairros vão receber recursos para dar continuidade as obras de drenagem e pavimentação. É que o Ministério da Integração Nacional pagou a terceira parcela, no valor de R$ 2 milhões. O recurso é fruto de emenda articulada pelo deputado federal Geraldo Resende no Orçamento Geral da União/2011 e direcionado para o Governo do Mato Grosso do Sul, responsável pela obra.


A gestão foi trabalhada desde o início pelo deputado Geraldo Resende. O valor total do recurso é de R$ 9,9 milhões e a contrapartida do Governo do Estado é de R$ 2 milhões, totalizando investimento em infraestrutura urbana em R$ 12 milhões. Os recursos liberados são referentes ao pagamento de obras asfalto nos bairros Parque das Nações II (setor 1), Altos do Indaiá, Jardim Oliveira I, Jardim Oliveira II, partes da Vila Vieira, Vila Industrial, Canaã IV, Vila Martins e corredor público (setor 2).Algumas dessas frentes de asfalto já foram concluídas, enquanto outras estão em andamento, e poderão ser agilizadas com a liberação desses recursos.


“Essas obras são importantíssimas, porque proporcionam uma melhora na qualidade de vida e no desenvolvimento dessas localidades. Afinal, o bem-estar social está ligado diretamente à passagem do asfalto e o fim do acúmulo de águas de chuva nas portas das casas. Por fim, é fundamental na valorização do imóvel e melhoria o aspecto visual das casas”, afirma Geraldo Resende.

Deixe seu Comentário