Dourados – MS quarta, 22 de setembro de 2021
Dourados
35º max
18º min
Institucional - Setembro
Mundo

'Foi surreal', diz brasileira elogiada em discurso de Michelle Obama

23 Mar 2011 - 18h45
Raquel Silva, Michelle Obama e a filha Sasha em
Brasília, no sábado - Crédito: Foto: Arquivo pessoalRaquel Silva, Michelle Obama e a filha Sasha em Brasília, no sábado - Crédito: Foto: Arquivo pessoal
“Para mim, foi surreal porque tudo aconteceu muito rápido. Não imaginei que eu acabaria sentada ao lado de Michelle”, disse Raquel Helen Santos Silva, de 20 anos, referindo-se à primeira-dama americana, Michelle Obama. As duas participaram de um encontro no sábado (19), em Brasília, quando a família Obama visitava o Brasil. Elas assistiram a uma apresentação de capoeira e percussão e, em seu discurso, a primeira-dama americana citou nominalmente a jovem brasileira.

“Foi um sonho realizado. Sempre quis conhecer Michelle porque acompanhei o casal durante a campanha eleitoral. Ela é mulher, mãe de família, empoderada”, definiu Raquel.

A oportunidade, segundo a estudante, veio na terça-feira (15), com um convite da Embaixada dos Estados Unidos. Raquel participou do programa Jovens Embaixadores, do governo americano, em 2008. Com o projeto, ela já havia participado do Fórum Econômico Mundial em Davos e desenvolve trabalhos sociais. “Na quarta [16] eu mandei o texto que eu iria ler. Na quinta [17] houve a confirmação e na sexta [18], à noite, eu fui para Brasília”, disse.

Quando discursou, Michelle elogiou a brasileira. A americana falou que Raquel é um exemplo de vida que deve ser seguido pela juventude e pelas filhas. “Você vai conseguir tudo o que quiser porque é determinada. Vou ouvir falar muito falar do seu nome”, disse Michelle.

Em entrevista ao G1, Raquel retribui os elogios. “Ela é um exemplo de mulher forte, independente e sabe ser equilibrada mesmo ocupando uma posição de destaque. Ela representa bem a mulher moderna, que valoriza a família e a educação. Michelle representa a mulher do século XXI, é uma mulher multifuncional”, disse.

E a participação da jovem no evento com Michelle teve repercussão internacional. “Amigos da Rússia, Nova Zelândia, Egito e Alemanha deixaram mensagens para mim no Facebook comentando sobre a minha participação no evento. Fico feliz em ter a oportunidade de mostrar a minha história de vida de maneira otimista. Minha família está orgulhosa de mim. Acho que vou até ganhar o Nobel da Paz”, brincou Raquel, referindo-se aos comentários positivos dos pais dos seus amigos que ficam satisfeitos em tê-la na companhia dos seus filhos.

Michelle deu um presente a Raquel: uma mochila com um caderno, três lapiseiras, um marcador de página com o desenho da Casa Branca e a assinatura da primeira-dama e um caixinha com minichocolates nas cores branco, vermelho e azul, da bandeira daquele país.

Atualmente, Raquel coordena o projeto do “Fórum Juventude por Capacitação”, que será realizado em julho deste ano. A iniciativa é promovida pela React & Change e tem o apoio do Conselho Britânico, Prefeitura de Belo Horizonte e Instituto Nordeste. (G1)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, testa positivo para a Covid-19
Mundo

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, testa positivo para a Covid-19

22/09/2021 07:30
Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, testa positivo para a Covid-19
Mundo

Presidente faz discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas

21/09/2021 08:30
Tripulação da Inspiration4 retorna à Terra neste sábado
Mundo

Tripulação da Inspiration4 retorna à Terra neste sábado

18/09/2021 16:00
Tripulação da Inspiration4 retorna à Terra neste sábado
Mundo

Mulheres afegãs protestam contra uso da burca

15/09/2021 17:00
Mundo

Pentágono: novo míssil norte-coreano ameaça comunidade internacional

13/09/2021 13:00
Últimas Notícias