Dourados – MS terça, 22 de setembro de 2020
Dourados
27º max
14º min
RIO 2016

Após ataque na França, Defesa anuncia 'segurança muito mais rígida'

15 Jul 2016 - 15h25
Jungmann admitiu que o atentado na França "preocupa" o governo. - Crédito: Foto: Myke Sena/05.07.2016/FramePhoto/FolhapressJungmann admitiu que o atentado na França "preocupa" o governo. - Crédito: Foto: Myke Sena/05.07.2016/FramePhoto/Folhapress
O ministro da Defesa, Raul Jungmann, reconheceu nesta sexta-feira (15) que o ataque na cidade de Nice, na França, que deixou ao menos 84 mortos ontem, "preocupa" o governo brasileiro para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em agosto.

Em entrevista à rádio CBN, o comandante da pasta avisou que as forças de segurança do País, formada por tropas do Estado e homens das Forças Armadas, serão mais rígidos durante o evento.

Jungmann afirmou que o governo acompanhou "todos esses fatos [na França] e tiramos lições deles. [...]". Em seguida, admitiu que o público pode ser afetado pelo "pente-fino" mais apurado que os soldados farão durante as Olimpíadas.

— A nossa percepção é que nós vamos ter que revisar determinados procedimentos, vamos ter que ampliar as barreiras, vamos ter que ampliar as revistas, vamos ter que ter uma segurança muito mais rígida. Isso, infelizmente, pode vir a ser uma dificuldade a mais, um transtorno a mais para as pessoas, mas é para o bem e a segurança delas.

O ministro disse que o Brasil já estava cumprindo "um conjunto de protocolos e coordenação de combate ao terrorismo", com a presença de "20 mil soldados [das Forças Armadas] no Rio de Janeiro".

— Estamos cumprindo com todos os encargos que o COI [Comitê Olímpico Internacional] nos passou em relação a defesa e segurança, ainda assim, um incidente horrível como esse que aconteceu em Nice nos preocupa e a nossa reação vai ser exatamente ampliar os procedimentos, as barreiras, as revistas, as ferramentas voltadas para o controle.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Rússia registrará segunda vacina contra covid-19 até 15 de outubro
CoronaVac

Rússia registrará segunda vacina contra covid-19 até 15 de outubro

22/09/2020 11:35
Rússia registrará segunda vacina contra covid-19 até 15 de outubro
GP de F1 na Alemanha poderá ter a presença de público
Fórmula 1

GP de F1 na Alemanha poderá ter a presença de público

21/09/2020 17:33
GP de F1 na Alemanha poderá ter a presença de público
Primeira onda da covid-19 deve acabar em outubro, diz estudo da UFF
Covid-19

Primeira onda da covid-19 deve acabar em outubro, diz estudo da UFF

18/09/2020 17:36
Primeira onda da covid-19 deve acabar em outubro, diz estudo da UFF
Athletico-PR ganha do Jorge Wilstermann de virada
Libertadores

Athletico-PR ganha do Jorge Wilstermann de virada

16/09/2020 12:01
Athletico-PR ganha do Jorge Wilstermann de virada
Libertadores retorna nesta terça, em meio à insatisfação de clubes
Futebol

Libertadores retorna nesta terça, em meio à insatisfação de clubes

14/09/2020 18:02
Libertadores retorna nesta terça, em meio à insatisfação de clubes
Últimas Notícias