Dourados – MS sexta, 03 de julho de 2020
Dourados
20º max
min
Feiras

Limpou o caminho de candidato

22 Fev 2016 - 11h45
Limpou o caminho de candidato -
O deputado federal Geraldo Resende, todo pimpão, falou sobre a pré-convenção municipal do PMDB, marcada para o dia cinco de março, quando irá concorrer sozinho à indicação como candidato a prefeito de Dourados. Falando na Grande FM, ele citou que o seu potencial concorrente, o secretário de Saúde, Sebastião Nogueira Faria jogou a toalha, ou seja, desistiu que brigar pelos 45 votos dos convencionais. Posteriormente – entre 20 de julho e cinco de agosto, o seu partido irá realizar a convenção para sacramentar o nome de Geraldo candidato. Otimista, citou que pesquisas – tanto na espontânea como na estimulada, de intenção de voto o colocam como um dos preferidos dos eleitores. E ainda reclamou de suposta ingerência de outros partidos dentro do processo de escolha de candidato a prefeito do PMDB.


##### Entregou...


Depois de passar 85 dias detido em dependências da Polícia Federal e da Polícia Militar, o senador Delcídio Amaral (PT) foi solto na noite de sexta-feira após ser autorizado pelo ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, a responder as acusações que pesam contra ele na Operação Lava-Jato em prisão domiciliar. No despacho, Teori autorizou Delcídio a trabalhar no Senado, mas com a obrigação de se recolher em casa à noite e em dias de folga. O petista teria feito um acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República, segundo informaram ao jornal “O Globo” duas fontes que acompanham a investigação de perto. A partir do acordo, o senador teria feito revelações importantes sobre a corrupção nos meios político e empresarial.

##### Dúvidas


A defesa do senador Delcídio Amaral (PT), posto em regime de prisão domiciliar deverá fazer questionamentos jurídicos ao Supremo Tribunal Federal sobre as condições da medida. “Existem algumas questões que ainda não estão claras, como o que é considerado horário noturno (quando Delcídio deve obrigatoriamente estar em casa) e sobre a vedação do contato dele com outros investigados na Lava Jato”, afirmou o advogado Luís Henrique Machado em entrevista  à Agência Brasil. E são 14 investigados la no Senado.

##### Pisando em ovos


Delcídio encontrar um cenário complicado na volta às atividades no Senado. Pelo menos é o que projetam colegas deles ouvidos pelo G1. Os senadores preveem que o ex-líder do governo passará por “constrangimento” ao longo dos compromissos legislativos e sofrerá desgaste na defesa do mandato em processo por quebra de decoro parlamentar no Conselho de Ética da Casa. Luís Henrique Machado, um dos advogados do senador, afirmou que Delcídio voltaria às atividades no Senado já nesta segunda-feira 

##### Prá fora


Seguindo determinação da Justiça, a Policia Federal deu prazo até hoje para que índios guaranis-caiuás desocupem uma área das fazendas Coqueiro e Santa Helena, em Douradina, pertencente a uma empresa agropecuária. As 32 familias indigenas prometem resistir a desocupação.

##### Caixa preta


Em entrevista na Grande FM, no sábado passado, o deputado estadual Barbosinha (PSB) falou longamente sobre a CPI dos Combustiveis em andamento na Assembleia. Citou, por exemplo, que as diversas distribuidoras de combustíveis em Campo Grande – Dourados só tem uma, vendiam gasolina, diesel e etanol mais barato para os postos. Essa seria uma das justificativas para a gasolina ser mais cara em Dourados, variando de 20 a 28 centavos a mais.


### BATE REBATE


Mulher de 34 anos relatou em ocorrência policial furto que aconteceu em sua residência, no Jardim Manaíra, em Campo Grande. O objeto do furto foi algo inusitado: uma camiseta do Vasco da Gama. Dá licença...

O ex-governador Pedro Pedrossian, 87 anos, pode ter alta essa semana. Ele está internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o último dia 11. Conforme o boletim médico, Pedrossian sofreu pequena fratura na região lombar.

O governo do Estado investe R$ 25 milhões em recursos próprios para recuperar os estragos provocados pelas chuvas que atingiram várias regiões entre novembro, dezembro e janeiro. Maior parte desse recurso é para recuperação de estradas e dentre elas, apenas duas são estaduais.

Nos últimos meses, os procuradores do Núcleo de Combate à Corrupção em Brasília dedicaram-se intensa e discretamente à investigação criminal sobre as suspeitas de tráfico de influência internacional do ex-presidente Lula em favor da Odebrecht, segundo a Revista Época.


### INFORME CURURU


É só chegar segunda-feira que meu celular toca mais que berimbau em roda de capoeira

Deixe seu Comentário