Dourados – MS sábado, 13 de abril de 2024
27º
Meio Ambiente

Governo de MS prepara atuação para temporada de incêndios florestais no Pantanal

A situação climática no Estado, que está com chuvas abaixo da média desde dezembro de 2023 e já registrou dois grandes incêndios florestais no Pantanal este ano, é preocupante

27 Fev 2024 - 08h30Por Natalia Yahn, Comunicação Governo de MS
Governo de MS prepara atuação para temporada de incêndios florestais no Pantanal - Crédito: Bruno Rezende Crédito: Bruno Rezende

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul prepara a atuação para a temporada de incêndios florestais, de 2024, no Pantanal. A organização e planejamento das ações, pelo Corpo de Bombeiros Militar, conta com o apoio de secretarias de Estado e outras instituições.

O secretário da Semadesc (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), Jaime Verruck, explicou que o foco é atuar preventivamente e por isso o plano operativo do Corpo de Bombeiros é essencial. “O plano com designação de pessoas, equipamentos, locais, alocação de recursos já existe para atender situações emergenciais. Nas próximas semanas vamos fazer toda a análise climática do Estado para decidir sobre o decreto de emergência ambiental. Mas independente disso, tudo indica que teremos um ano bastante complexo sob o ponto de vista da seca”.

Foto: Natalia Yahn

Foto: Divulgação

A situação climática no Estado, que está com chuvas abaixo da média desde dezembro de 2023 e já registrou dois grandes incêndios florestais no Pantanal este ano, é preocupante. “Entre janeiro e abril não era para ter foco no Pantanal, são períodos muito tranquilos, e já tivemos dois. Então nos preocupa já que podemos ter a partir de março uma situação de atendimento emergencial e precisamos dar resposta rápida. Com alerta, identificação, acesso, por isso já temos toda uma estrutura de planejamento das atividades”, disse Verruck.

Na semana passada, a Semadesc e o Comitê do Fogo de MS (Comitê Interinstitucional de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais de Mato Grosso do Sul) realizam o 1º Seminário de Prevenção aos Incêndios Florestais de MS.

Na ocasião o CBMMS (Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul) apresentou o balanço operacional das ações relativas à temporada de incêndios florestais de 2023 e formulação de atividades e ações para o ano de 2024.

“O ano de 2024 começou atípico. Estamos em fase de planejamento, que será finalizado nos próximos dias. Tudo é realizado para prevermos o que pode ser feito e nosso plano de operações tem várias bases de atendimento no Estado, já considerando a situação climática crítica”, afirmou o tenente Alexandre de Oliveira, engenheiro ambiental responsável pelo monitoramento de dados e geoprocessamento da Diretoria de Proteção Ambiental do CBMMS.

Também foram entregues, pelo Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul), dois kits de motobomba pick-up de 660 litros à Defesa Civil do Estado e a ong (organização não governamental) SOS Pantanal, para serem utilizados em ações de combate a incêndios florestais em unidades de conservação do Estado.

Fotos: Mairinco de Pauda, Semadesc

“As atividades do Corpo de Bombeiros são pautadas em muito estudo, para reunir técnicas aprimoradas, e protocolos de trabalho. Hoje dispomos de equipamentos, tecnologia e cada vez mais investimos na capacitação. São melhorias que surtem resultados e tornam o combate muito mais efetivo”, explicou a tenente-coronel Tatiane Inoue, diretora de Proteção Ambiental do Corpo de Bombeiros Militar, que realiza o monitoramento dos incêndios florestais no Estado.

Para operações de resposta e ações coordenadas, o Governo do Estado, por meio do Corpo de Bombeiros Militar prepara toda a atuação para a temporada de incêndios florestais 2024, com foco no Pantanal.

“Nós entendemos que precisamos da ajuda de todos os envolvidos no combate aos incêndios florestais. O Estado vai estar pronto para poder fazer o trabalho, com a atuação efetiva do Corpo de Bombeiros, além do planejamento para que a gente consiga ter uma estrutura adequada de apoio e resposta rápida”, finalizou Verruck.


Fotos: Bruno Rezende

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil debate preservação de oceanos em reunião do G20 em Brasília
Meio Ambiente

Brasil debate preservação de oceanos em reunião do G20 em Brasília

12/04/2024 19:30
Brasil debate preservação de oceanos em reunião do G20 em Brasília
MS define ações preventivas e atuação para combate de incêndios com participação do RS, BA e MT
Meio Ambiente

MS define ações preventivas e atuação para combate de incêndios com participação do RS, BA e MT

11/04/2024 12:15
MS define ações preventivas e atuação para combate de incêndios com participação do RS, BA e MT
CMA vai debater proibição de carro novo a gasolina ou diesel a partir de 2030
Senado

CMA vai debater proibição de carro novo a gasolina ou diesel a partir de 2030

11/04/2024 06:45
CMA vai debater proibição de carro novo a gasolina ou diesel a partir de 2030
Decreto traz detalhes de emergência ambiental em MS e novidade em queima feita pelo próprio Estado
Meio Ambiente

Decreto traz detalhes de emergência ambiental em MS e novidade em queima feita pelo próprio Estado

10/04/2024 20:00
Decreto traz detalhes de emergência ambiental em MS e novidade em queima feita pelo próprio Estado
Com cogumelos, startup sul-mato-grossense mira mercado de proteínas alternativas
Meio ambiente

Com cogumelos, startup sul-mato-grossense mira mercado de proteínas alternativas

10/04/2024 10:00
Com cogumelos, startup sul-mato-grossense mira mercado de proteínas alternativas
Últimas Notícias