Dourados – MS sábado, 25 de maio de 2024
13º
Parceria Público-Privada

CNJ e Uber discutem parceria no combate e prevenção de violência contra a mulher

A iniciativa, vai ao encontro das pautas prioritárias da gestão do presidente do CNJ, ministro Luís Roberto Barroso: o combate à violência de gênero de todas as naturezas

13 Abr 2024 - 16h00Por Margareth Lourenço/Agência CNJ de Notícias
Reunião do CNJ com representantes da Uber sobre a campanha Sinal Vermelho  - Crédito:  Ana Araújo/ Ag. CNJReunião do CNJ com representantes da Uber sobre a campanha Sinal Vermelho - Crédito: Ana Araújo/ Ag. CNJ

A conselheira Renata Gil e a secretária-Geral do CNJ, juíza Adriana Cruz, se reuniram com o vice-presidente e diretor jurídico da Uber, Tony West, na quarta-feira (10/4) no Conselho Nacional de Justiça. O encontro visou o alinhamento de possíveis parcerias para conscientização e divulgação de canais de denúncias contra a violência contra a mulher. A iniciativa, vai ao encontro das pautas prioritárias da gestão do presidente do CNJ, ministro Luís Roberto Barroso: o combate à violência de gênero de todas as naturezas.

O envolvimento dos motoristas do aplicativo no apoio às vítimas de violência e o correto encaminhamento das mulheres ao sistema de Justiça e às forças policiais foi um dos itens debatidos. “Precisamos ampliar a rede de proteção”, destacou a conselheira. Segundo ela, a intenção é firmar parceria com a plataforma de transporte por meio de um termo de cooperação.

Sinal Vermelho

Supervisora da Política Judiciária Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres no Poder Judiciário, a conselheira Renata Gil explicou que a Lei do Sinal Vermelho nasceu a partir de programa criado, em junho de 2020, em parceria do Conselho com a Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), que ela presidia à época.

Um ano depois, a ação ganhou corpo com a sanção da Lei 14.188, que definiu o programa de cooperação Sinal Vermelho contra a Violência Doméstica como uma das medidas de combate à violência contra a mulher. “Vamos manter essa marca, do X Vermelho na mão, já conhecida e utilizada por tantas mulheres e em diferentes países para ampliar esse debate e o alcance da campanha.”

A secretária-geral do CNJ, Adriana Cruz, reforçou a importância do diálogo e da união de esforços entre o CNJ e outras instituições. “Reconhecemos que há ainda um longo caminho a percorrer na garantia da proteção e igualdade para as mulheres e o alinhamento para ações conjuntas é essencial para ampliar a conscientização sobre essas questões, frisou. Para ela, “somente com esforços coordenados e colaborativos será possível alcançar mudanças significativas”.

Transporte seguro

Reunião do CNJ com representantes da Uber sobre a campanha Sinal VermelhoFoto: Ana Araújo/ Ag. CNJ

 

Com 30 milhões de usuários no Brasil, a preocupação em oferecer transporte seguro, principalmente às mulheres, levou a Uber a buscar apoio de especialistas que atuam com a temática, expôs o vice-presidente sênior e diretor jurídico da plataforma, Tony West. Ele se colocou à disposição para a contribuição da Uber na causa.

Segundo ele, a empresa já procura aprimorar os serviços para assegurar que as mulheres se sintam seguras. “Se elas estiverem seguras, todos os outros estarão”, disse referindo-se a situações que homens geralmente não enfrentam, como o medo de deslocar-se desacompanhados ou à noite.

Ele ainda ressaltou que algumas iniciativas, em vigor em outros países, como a possibilidade de os carros da plataforma transportarem gratuitamente para locais seguros mulheres ameaçadas, podem ser estudadas para uso também no Brasil.

A reunião contou com a presença de outros diretores da Uber, Silvia Penna, diretora-geral da Uber Brasil; Ianda Lopes e Carolina Machado, diretoras jurídicas; Jodi Page, chefe de gabinete do Jurídico Global; e Natália Falcon, gerente de comunicação. Também participaram do encontro a juíza Julianne Marques, diretora-geral da AMB Mulheres; Mario Esper, presidente do Conselho Deliberativo da ABNT, e Thainá Moraes, fundadora do Instituto Nós por Elas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Embratur recebe 123 propostas de novos voos internacionais em edital de programa
Conectividade aérea

Embratur recebe 123 propostas de novos voos internacionais em edital de programa

há 54 minutos atrás
Embratur recebe 123 propostas de novos voos internacionais em edital de programa
Prefeitura usa sacos para fechar comportas danificadas em Porto Alegre
Enchentes

Prefeitura usa sacos para fechar comportas danificadas em Porto Alegre

25/05/2024 20:00
Prefeitura usa sacos para fechar comportas danificadas em Porto Alegre
Vale do Taquari: Exército vai refazer travessias levadas pelas cheias
Enchentes

Vale do Taquari: Exército vai refazer travessias levadas pelas cheias

25/05/2024 19:00
Vale do Taquari: Exército vai refazer travessias levadas pelas cheias
Anatel aprova novo sistema de alertas de emergência
Telecomunicações

Anatel aprova novo sistema de alertas de emergência

25/05/2024 18:30
Anatel aprova novo sistema de alertas de emergência
CNJ anuncia melhorias no Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento
Justiça

CNJ anuncia melhorias no Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento

25/05/2024 17:30
CNJ anuncia melhorias no Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento
Últimas Notícias