Dourados – MS sábado, 08 de agosto de 2020
Dourados
32º max
15º min
Segurança e Saúde JBS
Variedades

Salão de Detroit mostra recuperação das fabricantes nos Estados Unidos

10 Jan 2011 - 22h35
Salão de Detroit dobra o número de lançamentos e volta a contar com a presença de grandes marcas. - Crédito: Foto: APSalão de Detroit dobra o número de lançamentos e volta a contar com a presença de grandes marcas. - Crédito: Foto: AP
Se austeridade foi a palavra-chave das últimas três edições do Salão do Automóvel de Detroit, nos Estados Unidos, os temas que dominarão as apresentações deste ano são crescimento e novos investimentos.

Um sinal da confiança renovada da indústria é o fato de que o número de lançamentos na edição deste ano da feira vai mais que dobrar para 40 veículos, ante os 18 novos modelos apresentados em 2010.

Outro tema central em Detroit será o lançamento de modelos compactos, elétricos e híbridos por todas as grande montadoras.

Isso inclui uma versão maior do Prius da Toyota, líder do mercado de híbridos, e o primeiro sedã compacto do clássico modelo Buick, da GM, além do Curb da Hyundai.

#####Vendas em alta

A montadora sul-coreana cresceu 24% em 2010, duas vezes mais que o mercado como um todo, ganhando participação sobre rivais com preços competitivos e uma reputação de excelente qualidade.
A indústria de automóveis dos EUA quebrou uma série de quatro anos seguidos de quedas nas vendas em 2010, além de fechar os últimos três meses do ano acima da taxa anual de 12 milhões de unidades.

A maioria dos analistas espera um crescimento de dois dígitos nas vendas de 2011 e ainda mais ganhos em 2012.

A última vez em que o mercado norte-americano teve três anos consecutivos de crescimento significativo nas vendas foi no final da década de 1990, quando as montadoras de Detroit ainda lideravam o mercado.

Para o estrategista-chefe de investimentos da Wells Capital Management, James Paulsen, as vendas anualizadas nos EUA podem atingir 15 ou 16 milhões de unidades até o final de 2011.

Outros analistas já têm previsões mais conservadoras para 2011, dadas as taxas de desemprego persistentemente altas do país e as perspectivas ainda incertas para o mercado imobiliário.

O diretor de projeções da J.D. Power and Associates, Jeff Schuster, espera que as vendas de automóveis dos EUA atinjam 12,8 milhões de unidades em 2011 e cresçam para 15 milhões em 2012.

A previsão para 2011, no entanto, pode ser elevada, acrescentou. \'Acho que após o crescimento forte do quarto trimestre, é mais provável que haja uma chance de alta que uma revisão para baixo\', disse Schuster em reunião da Sociedade de Analistas Automotivos, no domingo, em Detroit.

(autoesporte.com)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Especialista ensina como organizar a casa em tempos de pandemia
Dourados

Especialista ensina como organizar a casa em tempos de pandemia

04/08/2020 13:00
Especialista ensina como organizar a casa em tempos de pandemia
Justiça se adapta para manter processos de adoção durante pandemia
Adoção na Pandemia

Justiça se adapta para manter processos de adoção durante pandemia

03/08/2020 16:25
Justiça se adapta para manter processos de adoção durante pandemia
Agosto Lilás:  Mulheres sofrem "pandemia da violência"
Mulher

Agosto Lilás: Mulheres sofrem "pandemia da violência"

03/08/2020 10:03
Agosto Lilás:  Mulheres sofrem "pandemia da violência"
Branding em Arquitetura
Variedades

Branding em Arquitetura

30/07/2020 14:38
Branding em Arquitetura
Jonir Figueiredo expõe mandalas de luz
Exposição

Jonir Figueiredo expõe mandalas de luz

30/07/2020 14:35
Jonir Figueiredo expõe mandalas de luz
Últimas Notícias