Dourados – MS terça, 22 de setembro de 2020
Dourados
29º max
16º min
DOE, REUTILIZE OU VENDA

Saiba como reutilizar ou vender suas roupas no inverno

20 Jun 2016 - 10h00
Você pode doar aquele par de tênis que não utiliza mais para alguém que está precisando. - Crédito: Foto: DivulgaçãoVocê pode doar aquele par de tênis que não utiliza mais para alguém que está precisando. - Crédito: Foto: Divulgação
No inverno, muitas pessoas acabam jogando roupas no lixo e isso acaba poluindo a natureza. Para prevenir, você poderia reciclar, vender ou até mesmo doá-las para alguém que está precisando. O que é possível reutilizar do inverno passado? O que é possível vender ou comprar em algum brechó que irá me trazer um bom retorno? O que é possível doar para quem está precisando?

O que é possível fazer?

Sapatos, tênis, blusas, calças, tudo pode ser reutilizado...

Sapatos:

Se você está pensando em comprar algo novo para os pés, pense duas vezes. Com a crise que o Brasil se encontra hoje em dia, fica até meio difícil gastar dinheiro com coisas novas. Qualquer tênis masculino ou feminino de dois anos atrás que está apenas um pouco descascado pode ser novamente reutilizado, basta apenas deixa-lo bem limpo e com um novo enceramento.

Se o tênis está um pouco apertado e você já não usa, não pense em jogar fora. Além de estar poluindo mais o ambiente em que vivemos. Doe para alguém que está precisando, ou você poderá vende-los em um brechó. Eles podem gerar um pequeno lucro, mas serão revendidos para alguém que esteja precisando por um baixo custo.


Blusas:

Muitas pessoas jogam fora blusas com boas condições de serem reutilizadas. Moletons com pelos pode até ser feio, mas servem como um ótimo pijama. Mas caso eles estejam cheios daquelas 'bolinhas' e você deseja jogar fora. Não faça isso, o melhor a fazer é comprar um presto-barba e passar nas bolinhas, ele retira tudo e novamente o moletom fica novo, venda para um brechó.

O moletom pode estar com algum furo, mas em boas condições e você não quer vender? Faça um voto de solidariedade e doe para alguém que está precisando. Na Reserva Indígena, ou moradores de ruas, alguém poderá estar precisando de um novo agasalho.


Calças:

As calças nunca saem de moda, mesmo quando já estão 'curtas' para você, para alguém ela será da 'medida certa', então junte umas calças velhas que ninguém mais utiliza em casa, e doe para alguém que esteja precisando. Jamais doe calças rasgadas, velhas e sujas. Aquele bem material que você não utiliza mais, sempre irá servir para quem procura.

Veja abaixo um vídeo de customização para reutilizar ou doar.

Seu filho já cresceu:

Se seu filho já cresceu o suficiente, e não vai mais utilizar as roupinhas infantis, faça uma doação para entidades filantrópicas ou associações do seu município. Pode ser doado até mesmo para uma família que esteja precisando de roupinhas para alguma criança. Além de se livrar das roupinhas que só estavam ficando acumuladas em casa, você vai estar aquecendo alguém que pode estar precisando.


Se você comprou um cobertor novo e quer se livrar daquele antigo, a melhor opção é levá-lo para quem precisa, um morador de rua pode estar precisando se esquentar no chão frio com papelões e este cobertor vai ajudar muito a esquentar esta vida.

No comércio geral você pode comprar uma manta por R$ 10,00 e depois fazer um poncho para quem está sentindo frio, assim como a Diretora Blanche Torres ensina no vídeo abaixo:

Tome cuidado ao vender:

Os brechós não compram qualquer coisa, elas devem estar em bom estado de conservação. Você pode retirar uma boa quantia em dinheiro com várias mudas de roupas que não utiliza mais e logo em seguida, revender.

Tome cuidado ao doar:

Nunca doe nada em péssimo estado de conservação, pense primeiro se você usaria aquelas roupas que vão ser doadas. Se a resposta for sim, então pode doar. Ninguém quer uma roupa cheia de rasgos e fedida, todos como seres humanos merecem coisas boas. Será um ótimo ato de solidariedade.

O preço médio das roupas no brechó:

Segundo informações dadas por Maria dos Santos, que está na frente de seu brechó a mais de 8 anos, o preço média sempre é R$ 10,00. "Os brechós sempre compram por custos baixos e logo depois vendem por uma média de R$ 10,00. Isso acaba sendo uma forma fácil e prática de adquirir roupas de segunda mão e bom estado de conservação".

Deixe seu Comentário

Leia Também

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Condenação

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida

21/09/2020 16:57
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
Turismo

MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados

21/09/2020 10:36
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
O julgamento de Deus
Artigo

O julgamento de Deus

17/09/2020 08:51
O julgamento de Deus
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Saúde

Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono

13/09/2020 10:11
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
“Muita gente desconta no animal, como se ele tivesse culpa”, diz criadora de abrigo
Cães abandonados

“Muita gente desconta no animal, como se ele tivesse culpa”, diz criadora de abrigo

13/09/2020 09:05
“Muita gente desconta no animal, como se ele tivesse culpa”, diz criadora de abrigo
Últimas Notícias