Dourados – MS sexta, 27 de novembro de 2020
Dourados
35º max
24º min
Influx
Imaculada-Mobile
Variedades

Primeiras impressões: Volkswagen Passat

30 Mai 2011 - 15h10
Frente do Novo Passat - Crédito: Foto: DivulgaçãoFrente do Novo Passat - Crédito: Foto: Divulgação
A sétima geração do Volkswagen Passat chega ao Brasil na primeira semana de junho, quase nove meses após ter sido apresentada ao mundo durante o Salão de Paris. Com visual renovado, o sedã executivo parte de R$ 106,7 mil – a versão Variant (station wagon) custa R$ 113.130-, sem levar em conta os opcionais, que chamam a atenção pelo alto nível tecnológico. Completo, o novo Passat pode sair por R$ 138.269.

Em termos de design, o novo Passat não lembra em nada a geração anterior. O novo modelo estampa a nova identidade da Volkswagen, o que o deixou muito parecido –muito mesmo– com o novo Jetta, ‘irmão’ menor comercializado no país desde maio.

A semelhança chega até o motor, que é o revigorado 2.0 TSI (turbo), o mesmo do Jetta, com injeção direta de combustível que gera 211 cavalos de potência e 28,5 mkgf de torque. A transmissão é DSG automática (dupla embreagem) de seis velocidades, com opção de trocas manuais por meio das aletas atrás do volante (‘borboletas’). A velocidade máxima é de 210 km/h e a aceleração de 0 a 100 km/h acontece em 7,6 segundos. O índice de consumo, de acordo com a Volks, é de 12,5 km/l em uso misto – perímetro urbano e estrada.

Visual

A dianteira traz faróis com ângulos agudos e grade frontal com quatro barras cromadas. Na lateral de linha de cintura elevada e vinco marcante que vai de uma extremidade a outra, destacam-se as rodas de liga leve de 17 polegadas ‘calçadas’ com pneus 235/45 R17. A traseira, com linhas sóbrias e pouco inovadoras, tem lanternas horizontais que invadem a tampa do porta-malas.

Internamente, as semelhanças com o Jetta também são grandes. As diferenças estão principalmente na qualidade do acabamento. Com materiais mais refinados, como peças emborrachadas nas portas e sobre o painel central, o Passat é mais requintado. Os encaixes das partes não apresentam folgas. Detalhas cromados e em alumínio escovado agradam. O revestimento dos bancos, assim como do painel das portas, é em couro.

Equipamentos

A relação de equipamentos de série é sob medida: direção Servotronic (elétrica), rádio CD player com tela de 7 polegadas sensível ao toque, ar-condicionado digital de duas zonas, seis airbags, acendimento automático dos faróis, controlador de velocidade, sensores de chuva, crepuscular e de estacionamento (dianteiro e traseiro), entre outros ‘mimo’.

A lista de opcionais do Passat se destaca pela tecnologia e preços ‘salgados’. A começar pelo Módulo Conforto (R$ 19.509), que oferece bancos dianteiros climatizados, com ajustes elétricos e memória, faróis bi-xenon com LEDs, Kessy (sistema de acesso ao veículo e ignição sem chave) e o Park Assist II.

A primeira versão deste sistema auxiliava o motorista a estacionar em vagas horizontais – as populares balizas. Agora, a segunda geração do Park Assist ajuda também a estacionar em vagas verticais (de shoppings e supermercados) e a tirar o carro da baliza esterçando a direção e indicando no centro do painel de instrumentos o que o motorista deve fazer – acelerar, frear, engatar primeira marcha ou marcha ré.

Outro pacote tecnológico é o ACC (controle automático de distância e velocidade – R$ 5.160). Trazido dos modelos da Audi, o sistema permite que o motorista determine a velocidade e qual distância o Passat deve manter em relação ao veículo à frente. Esse controle é feito – acelerando ou freando o sedã, caso necessário – por um radar instalado atrás do logo na Volks na grade frontal.

Teto solar elétrico (R$ 4.400) e rádio com sistema de navegação (R$ 2.500) com mapas do Brasil também podem ser adquiridos.

Acelerando

O G1 avaliou o novo Passat – com todos os pacotes tecnológicos – por cerca de 200 km. Os ajustes da coluna de direção (altura e profundidade) e elétricos dos bancos garantem a melhor posição ao volante multifuncional, que agrega empunhadura agradável. Todos os comandos estão à mão e as informações do computador de bordo ou do sistema de entretenimento são transmitidas com clareza ao motorista e passageiros.

Por falar em passageiros, eles são muito bem tratados. Com 4,76 m de comprimento e 2,71 de distância entre os eixos, sobra espaço para as pernas dos ocupantes.

Destaque negativo apenas para o duto central elevado, que incomoda aquele que viaja na posição central do banco traseiro. O porta-malas é generoso também, com capacidade para 485 litros.

O motor 2.0 TSI é vigoroso. Com 28,5 mkgf de torque disponível já a 1.700 rpm, as acelerações do Passat empolgam. E como essa força se mantém à disposição do motorista até 5.200 rpm, as retomadas agradam igualmente e transmitem maior segurança nas ultrapassagens. Ponto positivo para a transmissão DSG de dupla embreagem, que oferece trocas rápidas e sem trancos.

Nas curvas, muita estabilidade. A suspensão firme – sem ser desconfortável – e as rodas de 17 polegadas garantem a trajetória do Volkswagen. A inclinação da carroceria é mínima. Destaque para os sistemas de segurança –freios com ABS, controles de estabilidade e distribuição eletrônica de frenagem–, que impedem abusos e corrigem alguns erros dos motoristas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Nasa anuncia descoberta de água em estado líquido na Lua
Água na Lua

Nasa anuncia descoberta de água em estado líquido na Lua

26/10/2020 16:27
Nasa anuncia descoberta de água em estado líquido na Lua
Ciclismo se torna terapia e superação em Dourados
Biketerapia

Ciclismo se torna terapia e superação em Dourados

26/10/2020 13:20
Ciclismo se torna terapia e superação em Dourados
Turismo no Mato Grosso do Sul conquista selo Safe Travels, da WTTC
Selo internacional

Turismo no Mato Grosso do Sul conquista selo Safe Travels, da WTTC

04/10/2020 11:13
Turismo no Mato Grosso do Sul conquista selo Safe Travels, da WTTC
"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Recreação

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos

25/09/2020 07:23
"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Condenação

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida

21/09/2020 16:57
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Últimas Notícias