Dourados – MS quinta, 04 de março de 2021
Dourados
33º max
22º min
Influx
Pets

PSDB marca para o dia 3 ato de filiação de deputados e vereadores

27 Fev 2016 - 06h00
“Vamos fazer uma grande festa para recepcionar impostantes lideranças estaduais”, diz Sérgio de Paula. - Crédito: Foto: Divulgação“Vamos fazer uma grande festa para recepcionar impostantes lideranças estaduais”, diz Sérgio de Paula. - Crédito: Foto: Divulgação
A cúpula regional do PSDB marcou para a próxima quinta-feira (3) o ato de filiação de várias lideranças políticas de Mato Grosso do Sul, entre as quais, deputados estaduais e vereadores.


O ato político ocorrerá às 17 horas no Grand Park Hotel com a presença do governador Reinaldo Azambuja, que abonará a ficha de filiação dos deputados estaduais Maurício Picarelli (PMDB) e Mara Caseiro (PMB) e da vereadora Magali Picarelli (PMDB).


As conversações para o ingresso dos dois deputados foram feitas pelo secretário Sérgio de Paula (Casa Civil), principal articulador político do governo de Reinaldo Azambuja, que confirmou a data do grande ato político para a próxima semana.


“Vamos fazer uma grande festa para recepcionar impostantes lideranças estaduais”, atestou o super-secretário, que continua articulando no sentido de fortalecer as fileiras do PSDB visando as eleições municipais de outubro, quando o partido pretende eleger o maior número de prefeitos e vereadores.


Com adesão, o PSDB amplia a sua bancada para seis representantes, incluindo o nome de Mara Caseiro, Picarelli e dos correligionários Rinaldo Modesto, Onevan de Matos, Angelo Guerreiro, Flávio Kayatt e Beto Pereira.


Mara Caseiro e Picarelli ocuparão funções importantes dentro do esquema estratégico montado pela cúpula tucana em Mato Grosso do Sul, quer seja na Assembleia ou dentro do partido.


Por meio de sua assessoria de imprensa, a deputada assegura que chega ao PSDB como uma das alternativas para disputar a prefeitura de Campo Grande, descartando, no entanto, desistência de postular o cargo como divulgado pelo portal Conjuntura Online e pelo jornal O Progresso, de Dourados.


Com essas adesões, o PSDB ultrapassará a do PMDB na Casa, atualmente com seis representantes.
Para analistas, a saída de Picarelli do PMDB representa um duro golpe no partido liderado pelo ex-governador André Puccinelli, cuja bancada era majoritária na Casa e deve refletir lá na frente na disputa pelo comando da Mesa Diretora, hoje sob o comando do deputado Júnior Mochi (PMDB).


Além de Picarelli e Mochi, a bancada do PMDB é composta pelos deputados Marquinhos Trad, que também deve sair para o PSD, Eduardo Rocha, Renato Câmara e Antonieta Amorim.


A baixa no PMDB será recompensada com a filiação do deputado Márcio Fernandes, reeleito pelo PTdoB.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Abandono de animais aumenta na pandemia e bichos não encontram lares
Dia a Dia

Abandono de animais aumenta na pandemia e bichos não encontram lares

30/01/2021 10:25
Abandono de animais aumenta na pandemia e bichos não encontram lares
Vacina Antirrábica

CCZ terá três pontos de vacinação antirrábica no sábado

26/11/2020 16:45
PRF recupera em Três Lagoas veículo roubado há cinco anos
Polícia

PRF recupera em Três Lagoas veículo roubado há cinco anos

19/11/2020 16:21
PRF recupera em Três Lagoas veículo roubado há cinco anos
Últimas Notícias