Dourados – MS quarta, 02 de dezembro de 2020
Dourados
33º max
23º min
Influx
Imaculada-Mobile
Pets

Perillo é eleito presidente do Consórcio Brasil Central

11 Nov 2015 - 07h00
Governador Marconi Perillo - Crédito: Foto: Chico RibeiroGovernador Marconi Perillo - Crédito: Foto: Chico Ribeiro
Durante a abertura do Fórum Movimento Brasil Central (FMBC), que está sendo realizado desde a manhã de ontem (10) em Brasília, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, e os governadores dos demais Estados que compõem o Fórum (Goiás, Mato Grosso, Distrito Federal, Tocantins, Rondônia) realizaram uma reunião onde foi definido o nome do presidente do consórcio.

Ficou definido por aclamação que a presidência será do governador de Goiás, Marconi Perillo, que destacou entusiasmo para consolidar o movimento. “Vamos trabalhar para fazer com que esse movimento se consolide, e dê uma grande contribuição de desenvolvimento para o país”, disse o primeiro presidente do consórcio Brasil Central, Marconi Perillo.

O governador Reinaldo Azambuja destacou os avanços do Consórcio e afirmou que com boa vontade e persistência as coisas podem acontecer com uma velocidade ainda maior. “Nós podemos avançar num ritmo ainda muito maior, essa é uma cobrança da sociedade em cima de nós, governadores”, afirmou.

Reinaldo destacou ainda que a intenção do consórcio é criar uma lógica regional de desenvolvimento, avançando em pautas importantes em conjunto. “É preciso repensar o Estado brasileiro, e principalmente, discutir as pautas difíceis que vão contribuir para tirar o Brasil da crise”, disse o governador do Estado.
O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, destacou a formalização do consórcio e a busca do desenvolvimento da região. “Além de formalizar o consórcio, nosso objetivo é trabalhar em várias áreas e promover o desenvolvimento em conjunto da região”, garantiu.

A reunião dos governadores do FMBC teve também a criação de um conselho consultivo, onde cada governador vai indicar um secretário para participar, e que será presidido pelo ex-ministro Mangabeira Unger. A próxima reunião do Fórum deve acontecer no mês de dezembro, em Porto Velho, e a ideia é de que haja uma carteira de projetos consolidados em infraestrutura e logística, que é considerado pelos governadores, um gargalo da região Centro-Oeste e de todo o País.

No segundo dia do encontro, nesta quarta-feira, os governadores terão encontros com ministérios considerados importantes no desenrolar das ações do Consórcio, e também apresentarão a ideia em uma audiência pública no Senado Federal.

Consórcio

A intenção do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil é ampliar o desenvolvimento e competitividade dos Estados membros em setores chaves e importantes da economia brasileira.

Além de fomento à ações em áreas como agricultura, industrialização e empreendedorismo, o Consórcio, uma autarquia de natureza jurídica de direito público, também servirá como um espaço de compartilhamento de experiências de qualificação, por exemplo, na educação pública.

Nos seis Estados que integram o bloco do Brasil Central estão concentrados pouco menos de 10% (9,16%) da população do país, cerca de 20 milhões de pessoas, que serão beneficiadas com as ações em conjunto dos governadores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Vacina Antirrábica

CCZ terá três pontos de vacinação antirrábica no sábado

26/11/2020 16:45
PRF recupera em Três Lagoas veículo roubado há cinco anos
Polícia

PRF recupera em Três Lagoas veículo roubado há cinco anos

19/11/2020 16:21
PRF recupera em Três Lagoas veículo roubado há cinco anos
Dono de pesqueiro é autuado em flagrante por suspeita de maus-tratos a cachorro
Maus-tratos

Dono de pesqueiro é autuado em flagrante por suspeita de maus-tratos a cachorro

22/10/2020 12:45
Dono de pesqueiro é autuado em flagrante por suspeita de maus-tratos a cachorro
PMA de Bataguassu autua homem por maus-tratos a dois cães
Maus-tratos

PMA de Bataguassu autua homem por maus-tratos a dois cães

21/10/2020 12:48
PMA de Bataguassu autua homem por maus-tratos a dois cães
Projeto proíbe a venda de medicamentos "anti-cio” para uso em cadelas e gatas
Projeto de Lei

Projeto proíbe a venda de medicamentos "anti-cio” para uso em cadelas e gatas

16/10/2020 17:46
Projeto proíbe a venda de medicamentos "anti-cio” para uso em cadelas e gatas
Últimas Notícias