Dourados – MS quarta, 21 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Pets

MPE quer encurtar distância entre população e poder público

05 Jul 2011 - 22h11
Promotor Paulo Ishikawa diz que projeto da MPE deve ser implementado até  setembro 
Foto: Hédio Fazan

  
 


 - Promotor Paulo Ishikawa diz que projeto da MPE deve ser implementado até setembro Foto: Hédio Fazan -


DOURADOS – Com objetivo de encurtar a distância entre a população e poder publico, o Ministério Público Estadual (MPE) vai implantar em breve em Dourados a “Promotoria Comunitária”. Esse modelo de trabalho já existe em algumas cidades do Brasil. Em Mato Grosso do Sul, Dourados será pioneira neste tipo de projeto.

O promotor responsável pelo projeto, Paulo Roberto Gonçalves Ishikawa, da 2ª Promotoria, que integra área de família, explica que a “Promotoria Comunitária” pretende fazer um mapeamento de toda cidade para identificar os principais problemas dentro da realidade de cada região, seja criminalidade, saúde, educação e assistência social.

O projeto é ainda embrionário e está na fase de divisão dos setores. Após concluir essa etapa, com o apoio de outras promotorias, o trabalho deverá ser colocado na rua. Cada mês deverá ser trabalhado uma região. No local, os promotores vão conversar com a população e com ela saber o problema que mais aflige a comunidade. “Identificando esses problemas, vamos servir de elo com o poder público, com objetivo de tentar solucionar da melhor forma possível”, apontou o promotor.

Por outro lado, o trabalho dará mais visibilidade ao Ministério Público junto a população, na qual passa a conhecer melhor e a saber que existe um órgão que ela poderá contar. “É uma forma de mostrar a população que ela não está sozinha e que tem um órgão que possa contar”, explica Ishikawa.

O promotor adianta que quer contar com o poder público como um grande parceiro neste projeto. Para começar ele já manteve contato com o prefeito Murilo Zauith com objetivo de explicar como vai funcionar o projeto. “Ele já colocou algumas secretárias estratégicas a disposição do MP para que possamos desenvolver o projeto nos bairros”, disse o promotor. Nos próximos dias ele manterá uma reunião com as secretarias de Saúde, Educação e Assistência Social. Outra parceria que o Ministério Público pretender contar é com as universidades.

Esta primeira etapa do projeto, que deverá ser implementado até setembro, deverá demorar cerca de dez meses para ficar concluído.


Deixe seu Comentário

Leia Também

Projeto proíbe a venda de medicamentos "anti-cio” para uso em cadelas e gatas
Projeto de Lei

Projeto proíbe a venda de medicamentos "anti-cio” para uso em cadelas e gatas

16/10/2020 17:46
Projeto proíbe a venda de medicamentos "anti-cio” para uso em cadelas e gatas
Brasil

Outubro Rosa Pet alerta para câncer de mama em cadelas e gatas

13/10/2020 11:06
Homem é preso em Bonito por maus tratos a animais
Maus-tratos

Homem é preso em Bonito por maus tratos a animais

05/10/2020 09:45
Homem é preso em Bonito por maus tratos a animais
Protetoras de animais encontram gata morta pendurada em frente à residência
Bodoquena

Protetoras de animais encontram gata morta pendurada em frente à residência

29/09/2020 15:45
Protetoras de animais encontram gata morta pendurada em frente à residência
Prefeitura arcará com castração e vacinas de gatos e cães acolhidos
Em MS

Prefeitura arcará com castração e vacinas de gatos e cães acolhidos

17/09/2020 09:23
Prefeitura arcará com castração e vacinas de gatos e cães acolhidos
Últimas Notícias