Dourados – MS quinta, 28 de outubro de 2021
Dourados
32º max
21º min
Ranking Valor Econômico
Variedades

Montadoras apostam no termo 'premium' contra rivais importados

03 Fev 2011 - 17h10
New Fiesta é chamado de \'premium\' da Ford
no Brasil - Crédito: Foto: DivulgaçãoNew Fiesta é chamado de \'premium\' da Ford no Brasil - Crédito: Foto: Divulgação
A expressão \"premium\" virou moda no mercado brasileiro de automóveis para classificar os modelos mais completos dentro de uma categoria. O objetivo é chamar a atenção do consumidor que pode pagar mais para um modelo rico em acessórios e itens de conforto -não, necessariamente, premium \"de verdade\". O termo é emprestado do segmento de carros de luxo, liderado por marcas como como BMW, Audi, Porsche.

A estratégia adotada pelas grandes montadoras serve para reposicionar modelos fabricados no país para concorrer com os importados da mesma categoria, explica o diretor superintendente da consultoria Jato Dynamics Brasil, Luiz Carlos Augusto. “A ideia é de que o consumidor compre esse carro porque quer um modelo completo. Ele vai comparar com os importados, e aí entra a força da marca. Então ele pensa, ‘meu carro premium é tão completo quando um importado’.”

A prática é confirmada pelas fabricantes. Quando a Ford lançou no país o sedã New Fiesta, em julho do ano passado, utilizou a palavra “premium” para defini-lo. Por trás do jargão estava a nova estratégia para seduzir clientes com poder aquisitivo maior. Por isso, a nova geração do modelo foi colocada em um segmento acima do “velho” Fiesta, que continuou a ser fabricado em Camaçari, na Bahia.

“É importante entender que o que define ser ‘premium’ não é só preço, mas sim o tipo de mensagem que o produto quer passar. Isso inclui o nível de acabamento e o pacote de tecnologia que o cliente compra”, diz o gerente de comunicação em marketing da Ford do Brasil, Maurício Greco. De julho a dezembro de 2010, a montadora contabiliza 4.653 unidades vendidas do modelo. Agora, a Ford prepara a chegada da versão hatch do New Fiesta.

De acordo com Colossi, a estratégia da GM é continuar a trazer produtos como o Camaro, Malibu e Omega, sem tirar o foco da marca Chevrolet, para se fortalecer no segmento de luxo ou premium. “Não pretendemos trazer outra marca para o mercado brasileiro como Opel ou Cadillac”, diz o executivo.

Lançado em outubro do ano passado, o Camaro encerrou 2010 com 569 unidades vendidas. A estimativa inicial da marca era comercializar 50 unidades por mês e em apenas três meses a fabricante já atingiu a meta esperada para o primeiro ano de vendas no país. A GM do Brasil afirma ainda que há uma fila de espera de 825 pedidos pelo muscle car.

Questionado sobre a possível venda do Mustang no país, concorrente direto do Camaro, Greco, da Ford, ressalta que a companhia sempre faz estudos de mercado, mas não chegou ainda a uma conclusão sobre o assunto. Porém, com a atual fama do mercado brasileiro, não seria nenhuma surpresa se o ícone da Ford desembarcasse no país.

(G1)

Deixe seu Comentário

Leia Também

A importância do Pet na vida da família
Dia Mundial dos Animais

A importância do Pet na vida da família

04/10/2021 15:00
A importância do Pet na vida da família
Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca
Variedades

Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca

30/09/2021 17:00
Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca
Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021
Turismo

Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021

29/09/2021 16:15
Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021
Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada
Lei do Ventre Livre

Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada

28/09/2021 09:30
Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada
Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário
IMPRESSO

Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário

05/07/2021 13:00
Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário
Últimas Notícias