Dourados – MS segunda, 10 de agosto de 2020
Dourados
32º max
18º min
Campanha Parcelamento Conta
Variedades

Mas será o Benedito?

18 Jan 2016 - 07h00
Dentre as duzentas notificações e autos de infração aos proprietários de terrenos que não cumpriram a chamada “Lei da Dengue e Febre Amarela” em Dourados, estão a do ex-secretário de Finanças, Walter Benedito Carneiro Junior e do promotor de Justiça, Paulo César Zeni, que inclusive já respondeu pela Promotoria do Meio Ambiente de Dourados. Ambos estão em Campo Grande.


##### Lei da dengue


O Promotor por ter sido promovido e “Waltinho” como é conhecido em Dourados, por ter se desligado dos quadros da prefeitura e ser nomeado pelo estado. A medida do CCZ foi publicada no Diário Oficial do município da última sexta-feira (15). Foram realizados pelo menos trinta autos de infração a pessoas e empresas que estão em desconformidade com a Lei.

##### Pessoas públicas


Como não cumpriram o prazo para regularização, o CCZ autuou os proprietários a apresentarem defesa escrita a ser enviada ao órgão no prazo de 15 dias. Caso não seja executada, serão aplicadas multas. Além dos nomes citados de pessoas públicas, que deveriam dar exemplo, pelo menos 150 imóveis foram alvos de notificações.

##### A quem doer


As notificações determinam ou sugerem as seguintes melhorias nos imóveis: “conservar a limpeza dos quintais, calçadas e terrenos baldios, com o recolhimento de lixo e de pneus, latas, plásticos e outros objetos ou recipientes e inservíveis em geral que possam acumular água, bem como a remoção de todo o mato”. O prazo dado para regularização é de 10 dias. Em caso de descumprimento, os proprietários podem ser autuados e depois multados. Doa a quem doer. Justo esse lema tão propagado pelo Ministério Público.

##### Guerra é Guerra


O fato é que o município declarou guerra contra a dengue e guerra é guerra tanto que até o Exercito entra essa semana na batalha para ajudar as equipes no trabalho. O risco de epidemia é mais sério do que se imagina, nunca antes tão temido em Dourados. Para se ter idéia o IIP (Índice de Infestação Predial) em Dourados está em 4,3%, conforme o Liraa (Levantamento do Índice Rápido de Aedes aegypti) e o índice preconizado pelo Ministério da Saúde é 0,1%.

##### Filme de terror


Por falar em guerra contra a dengue como diria uma canção infantil: Era uma casa muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada. Mas uma casa abandonada no Jardim Clímax, no final da rua Onofre Pereira de Mattos já na Via Parque, não tem nada de engraçada e ao contrário, mais se parece com um filme de terror, porque vem servindo de criatório para o mosquito da dengue, aliás sem exagero, tudo no imóvel, que não está cercado, podem ser considerados como focos de dengue, pois vários móveis velhos, podres, foram deixados para trás.

##### Prato cheio


Os moradores das proximidades fazem um apelo ao Poder Público, pois muitas pessoas de uma rua inteira, vizinhas a casa, já estão infectadas pela dengue. A casa “assombrada” pelo mosquito Aedes aegypti, um mosquito com hábitos oportunistas, vem servindo não só para reunir usuários de drogas à noite, mas virou um prato cheio para o mosquito da dengue.

##### De tudo


No local tem de tudo, principalmente móveis velhos que só servem para atrair insetos e doenças. Lixo para todo lado começando pela frente da casa que foi derrubada, mas não demolida. Os moradores contam que a prefeitura desapropriou uma família que morava na casa. Com o dinheiro da indenização a família se mudou para o Jardim Flórida, no entanto o imóvel ficou totalmente abandonado.

##### Futuro transbordo


No local ficou de ser construído o futuro terminal de transbordo. Dona Francisca Santos, mais conhecida na comunidade, como Dona “Preta”, conta que o marido dela está acamado por causa da dengue e lamenta a falta de providência quanto à casa abandonada.

##### Líder comunitário


O senhor Zoraido Bianchi mora há 25 anos no bairro e se tornou um líder comunitário respeitado entre os seus vizinhos. Ele mora na mesma quadra da casa que foi desapropriada. “Eu quero chamar a atenção do prefeito Murilo, essa casa tem que ser demolida urgente e cercada, esses dias tinha uma família querendo invadi-la e eu que impedi deles entrarem, não tenho nada contra o prefeito, pelo contrário, sou amigo dele e o respeito muito, por isso eu peço que ele venha ver de perto essa casa, tem sofá velho jogado, fogão velho, cadeira de fio, televisão velha, e ainda por cima o mato ta cobrindo a casa, peço até que o Exercito venha ver o que virou essa casa depois que a moradora foi embora há mais de seis meses”, disse o senhor Zoraido, um gaúcho bastante comunicativo e querido entre os moradores.

##### Descarte irregular


Ainda com relação à dengue outra pessoa atenta denuncia através da coluna o seguinte: “Tem uma lixeira de um condomínio que fica na rua independência em frente ao ponto de coletivo com todo tipo de recipiente que acumula água e é jogado solto, fora do saco plástico e estando assim a coleta de lixo não recolhe e fica a podridão insuportável que com certeza, já tem mosquito da dengue dentro de várias garrafas vazias de bebidas alcoólicas”.

##### Antes da Praça


“Situação critica que pode ser vista sempre na rua Independência, no Jardim Independência, descendo a Igreja Assembleia de Deus antes de chegar na Praça Paraguaia. Não foi somente uma vez que o lixo foi descartado irregularmente na lixeira e isso foi provocando um acumulo de podridão no local”.

##### E a culpa?


“Falta de consciência que pode custar caro para a própria pessoa que age desse jeito, pois ela própria está se expondo ao risco que criou. Depois o culpado é a saúde pública, o médico, a falta de leito. Gente assim é a primeira a criticar, porém, esquece que primeiramente o dever dela de preservar sua própria saúde é dela, depois vem o poder público”.

##### Que frase!


“A fórmula da ignorância perpétua é estar sempre satisfeito com suas próprias opiniões e contentar-se com seus próprios conhecimentos. (Elbert Hubbard).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Especialista ensina como organizar a casa em tempos de pandemia
Dourados

Especialista ensina como organizar a casa em tempos de pandemia

04/08/2020 13:00
Especialista ensina como organizar a casa em tempos de pandemia
Justiça se adapta para manter processos de adoção durante pandemia
Adoção na Pandemia

Justiça se adapta para manter processos de adoção durante pandemia

03/08/2020 16:25
Justiça se adapta para manter processos de adoção durante pandemia
Agosto Lilás:  Mulheres sofrem "pandemia da violência"
Mulher

Agosto Lilás: Mulheres sofrem "pandemia da violência"

03/08/2020 10:03
Agosto Lilás:  Mulheres sofrem "pandemia da violência"
Branding em Arquitetura
Variedades

Branding em Arquitetura

30/07/2020 14:38
Branding em Arquitetura
Jonir Figueiredo expõe mandalas de luz
Exposição

Jonir Figueiredo expõe mandalas de luz

30/07/2020 14:35
Jonir Figueiredo expõe mandalas de luz
Últimas Notícias