Dourados – MS quarta, 30 de setembro de 2020
Dourados
40º max
23º min
Variedades

Ideologia e partidos políticos

12 Dez 2015 - 07h00
Wilson Valentim Biasotto


Simplificando o conceito de ideologia poderíamos dizer que é um conjunto de ideias que dá sustentação a determinas práticas políticas, sociais e econômicas. Alguns exemplos: a ideologia democrática, surgida na Grécia Antiga, a ideologia fascista na Alemanha e Itália, a comunista na Rússia e a capitalista formulada a partir das Grandes Navegações.


É insustentável afirmar que as ideologias já não existem. As ideias fascistas, por exemplo, perduram em grupos que desejam um governo autoritário, ao contrário da ideologia anarquista que não quer saber de governantes. Quer dizer, aqueles que apregoam o fim das ideologias, na verdade estão escamoteando uma verdade, valendo-se dessa camuflagem para sustentar a dominação de uma classe social sobre outra. Ou o capitalismo e comunismo não defendem um conjunto de ideias que dão sustentação a esses regimes?


Quem concorda com a meritocracia, a concorrência, o lucro, é uma pessoa de direita que defende a ideologia capitalista, mesmo não conseguindo entende-la. Quem defende uma sociedade mais justa, mais igual, é de esquerda.


Cada ideologia deveria caber dentro de um partido político, para que o eleitor soubesse exatamente em quem estaria votando, no entanto no Brasil existe uma estratégia para que pessoas de direita se infiltrem em partidos de esquerda, desfigurando-os. Essa ardilosa manobra foi usada para desfigurar o PDT, PSB e o PT. Com essa estratégia, com a desfiguração dos partidos de esquerda, a direita conta com membros em seus próprios partidos, a exemplo do DEM e PSDB e políticos que defendem as ideias desses partidos, mas que estão disfarçados em socialistas. Essa estratégia não é feita pela esquerda, ela não se infiltra nos partidos de direita. Isso dá consistência ao capitalismo pois a esquerda não consegue o poder de fato, embora possa fazer prefeitos, governadores e até mesmo presidentes, como Dilma e Lula.


Nesse sentido inferimos que os partidos de direita são mais puros em termos ideológicos que os partidos de esquerda. Tomemos como exemplo o PSDB e vejamos como esse partido age de modo igual ou parecidíssimo nos estados onde governa.


Em Goiás, a secretária de educação do governo Marconi Perillo (PSDB) vai contratar a partir de 2016 firmas especializadas em gestão para administrar as escolas goianas. Essas empresas além de gerir as escolas terão o direito de contratar os professores temporários, num total de 30% do professorado daquele estado. Trata-se de privatização da educação.


Em São Paulo o governo Alkimin (PSDB) tentou implantar um modelo de ensino que superlota as salas de aula e fecha escolas. Ora, cada vez mais precisamos diminuir os alunos dentro de salas de aula para oferecermos ensino de qualidade, como na maioria dos países europeus, que têm 10 alunos por sala. O governo paulista, ao propor uma ideia que rebaixa ainda mais a qualidade de ensino, busca reduzir os pobres à sua pobreza e beneficiar os ricos, que podem pagar ensino particular.


No Paraná, Richa (PSDB) praticou ato de extremada violência contra professores, que poderia lhe custar o mandato, não fosse ele do partido que parece está imune a quaisquer sanções judiciais. Bater em professor de escola pública é desestimular a carreira e rebaixar o nível de ensino.


Em nosso Estado o governador Azambuja (PSDB) procura acabar com a cedência de professores para as escolas da APAE e Pestalozzi. Ao invés de professores concursados quer repassar dinheiro para essas instituições de modo que elas contratem seus docentes. Ora, isso também é privatização, pois faz parte da ideologia do PSDB privatizar.


Não foi por acaso que nos oito anos do governo FHC (PSDB) houve a maior, mais inescrupulosa e mais corrupta privatização de empresas brasileiras que eram, inclusive, lucrativas. Essa ideologia de direita alega que o estado deve ser mínimo, justamente para dar atenção à saúde e educação.


Que atenção está sendo dada à educação nos estados governados pelo PSDB? A ideologia de direita defende os ricos e os pobres que se virem. Essa é a verdade nua e crua e a razão do golpe que está querendo dar.
Anima-se a reação dos alunos paulistas que mesmo espancados pela polícia tucana resistem, com apoio de professores, pais e artistas que resolveram participar.


Membro da Academia Douradense de Letras. e-mail: [email protected]

Deixe seu Comentário

Leia Também

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Recreação

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos

25/09/2020 07:23
"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Condenação

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida

21/09/2020 16:57
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
Turismo

MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados

21/09/2020 10:36
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
O julgamento de Deus
Artigo

O julgamento de Deus

17/09/2020 08:51
O julgamento de Deus
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Saúde

Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono

13/09/2020 10:11
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Últimas Notícias