Dourados – MS sábado, 04 de abril de 2020
Dourados
30º max
16º min
Tradição

História e curiosidades do Natal

23 Dez 2019 - 18h26
História e curiosidades do Natal -

Dos evangelhos a costumes pagãos incorporados pela Igreja Católica, passando por tradições criadas na Era Vitoriana britânica, o Natal passou de uma celebração de inverno a uma festa que, para muitos, mescla a tradição religiosa ao secularismo dos dias atuais.

O Natal - que para os cristãos marca o nascimento de Jesus, o filho de Deus - é celebrado em 25 de dezembro ou 7 de de janeiro, no caso dos cristãos ortodoxos. A natividade é descrita no Novo Testamento da Bíblia, mas os evangelhos de Mateus e Lucas dão versões diferentes para o evento.

Ambas narrativas dizem que Jesus nasceu de Maria, noiva de José, um carpinteiro. Os evangelhos afirmam que Maria era virgem quando engravidou.

No relato de Lucas, Maria foi visitada por um anjo trazendo a mensagem de que ela daria à luz o filho de Deus. Já a versão de Mateus afirma que José foi visitado por um anjo que o persuadiu a casar com Maria em vez de dispensá-la ou expor a origem de sua gravidez.

Mateus fala também de um grupo de sábios (os reis magos) que seguiram uma estrela até chegar ao local de nascimento de Jesus, para presenteá-lo com ouro, incenso e mirra. Lucas, por sua vez, conta que pastores foram guiados por um anjo até Belém.

Segundo a tradição, José e Maria viajaram pouco antes do nascimento de Jesus. José havia sido ordenado a participar de um censo em sua cidade natal, Belém.

Todos os judeus tinham de ser contabilizados, para que o Império Romano pudesse determinar o quanto recolheria deles em impostos. Os que haviam se mudado de Belém, como José, tinham de regressar para serem registrados.

José e Maria enfrentaram a longa e árdua viagem de 150 km a partir de Nazaré, pelo vale do rio Jordão, passando por Jerusalém até chegar a Belém. Maria viajou sobre uma mula, para guardar energia para o parto.

Mas, ao chegarem a Belém, souberam que a hospedaria local estava repleta. O dono do local os deixou permanecer em uma caverna rochosa sob a casa, usada como um estábulo. Foi ali, próximo ao barulho e à sujeira dos animais, que Maria deu à luz seu bebê e colocou-o na manjedoura.

Simbologias

Segundo a BBB News Brasil, os evangelhos não mencionam a data do nascimento de Jesus. Foi só no século 4 que o papa Júlio 1º estabeleceu o dia 25 de dezembro como o dia de Natal. Era uma tentativa de cristianizar as celebrações pagãs que já eram realizadas nessa época do ano.

No ano de 529, o 25 de dezembro já havia se firmado como um feriado e, em 567, os 12 dias entre o 25 de Dezembro e o Dia de Reis - considerado o dia em que os reis magos chegaram até Jesus - eram feriados públicos.

O Natal não é apenas uma festa cristã. A celebração tem raízes no feriado judaico de Hanuká (festa de luzes celebrada ao longo de oito dias), nos festivais dos gregos antigos, nas crenças dos druidas (sacerdotes celtas) e nos costumes folclóricos europeus.

O Advento é um período de preparação das comemorações do nascimento de Jesus e começa no domingo mais próximo ao dia 30 de novembro. A palavra vem do latim adventus, ou chegada. Tradicionalmente, é uma época de penitência, mas não mais tão rígida quanto a Quaresma, uma vez que os cristãos não fazem mais jejum nesse período.

Guirlandas do Advento são populares na Europa e nos Estados Unidos, sobretudo em igrejas. Elas são feitas com galhos de pinheiros e quatro velas - uma para cada domingo do Advento.

O Dia de Natal é a festa cristã mais celebrada pelas pessoas que não frequentam igrejas, e estas, ao mesmo tempo, costumam ficar repletas para a missa natalina.

No entanto, para muitas pessoas, o Natal hoje se tornou uma festa secular, centrada na reunião familiar e na troca de presentes.

Se em séculos passados a Igreja temia a influência pagã sobre a festa cristã, as preocupações atuais são o consumismo e os excessos que marcam as festas de fim de ano.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campanha de arte colhe depoimentos de pessoas em quarentena
Arte

Campanha de arte colhe depoimentos de pessoas em quarentena

04/04/2020 09:50
Campanha de arte colhe depoimentos de pessoas em quarentena
Isolamento: em 24 horas, apenas uma cidade de MS aparece vermelha no monitoramento do Governo
Covid-19

Isolamento: em 24 horas, apenas uma cidade de MS aparece vermelha no monitoramento do Governo

03/04/2020 17:34
Isolamento: em 24 horas, apenas uma cidade de MS aparece vermelha no monitoramento do Governo
Produção de carne de gado deve aumentar 2,5%
Economia

Produção de carne de gado deve aumentar 2,5%

03/04/2020 16:49
Produção de carne de gado deve aumentar 2,5%
Estado anuncia ações para minimizar impactos do coronavirus no turismo
Turismo

Estado anuncia ações para minimizar impactos do coronavirus no turismo

03/04/2020 14:45
Estado anuncia ações para minimizar impactos do coronavirus no turismo
FERTEL: Com jornada diferenciada jornalismo público de MS repercute na imprensa
Cotidiano

FERTEL: Com jornada diferenciada jornalismo público de MS repercute na imprensa

02/04/2020 15:58
FERTEL: Com jornada diferenciada jornalismo público de MS repercute na imprensa
Últimas Notícias