Dourados – MS terça, 19 de outubro de 2021
Dourados
30º max
15º min
Variedades

Constituem crime contra os índios Art. 58, III

28 Jun 2011 - 08h33
Constituem crime contra os índios Art. 58, III  -
Acompanhando o noticiário local, noto que quase sempre se atribui a apreensão à proibição de bebidas alcoólicas aos índios, esse pensamento jurídico legal, vem da ideia de que o índio é diferente biologicamente dos não índios. Por isso, são inferiores e constitui-se mais fracos.

Esse pensamento permeia a invasão colonialista, quando a mistura racial no Brasil colônia, representava degeneração e atraso econômico, mas podia significar progresso e melhoramento racial se a cultura branca prevalecesse. A teoria racial serviu, então, como justificativa para que o governo brasileiro acabasse com aqueles que ameaçavam os interesses da Nação. Na verdade, o governo brasileiro não desejava a homogeneização racial, mas sim manter a sua superioridade em relação aos negros, índios e sertanejos (mestiços).

As diferenças raciais e culturais eram e ainda é vista por alguns cientista remanescente como fatores responsáveis pelo atraso econômico do país. Por isso, acham preciso adequar os povos indígenas ao padrão de identidade nacional. A ciência considerava os não índios mais capazes, intelectualmente que os índios. As práticas racistas contra os índios perduram porque essa é uma questão cultural e social.

Pois bem, os exatos termos da lei, contidos no caput do art. 58 da Lei 6001. O referido artigo dessa lei especial é o comando normativo do inciso III: III - propiciar, por qualquer meio, a aquisição, o uso e a disseminação de bebidas alcoólicas, nos grupos tribais ou entre índios não integrados. Pena - detenção de seis meses a dois anos.


Não precisa ser um expert em ciências jurídicas para saber que a lei esta excepcionando, os índios não integrados, logo, nos remete ao art.4º, do mesmo diploma legal, onde classifica os índios em isolados, em vias de integração e integrados. O caput do referido art. Diz: “os índios são considerados: I – Isolados – quando vivem e grupos desconhecidos ou de que se possuem poucos e vagos informes através de contatos eventuais com elementos da comunhão nacional;”. APENAS E TÃO SOMENTE AOS ISOLADOS se aplica o tipo penal!

No Brasil ainda existem alguns grupos isolados, no Mato Grosso do Sul não existem mais grupos isolados, quando muito semi integrados a maioria dos índios do MS se encontram na condição descrita no inciso III, do art.4º, “integrados – quando incorporados à comunhão nacional e reconhecidos no pleno exercício dos direitos civis, ainda que conservem usos, costumes e tradições característicos da sua cultura”.

Esta INTEGRAÇÃO de que trata o art. 4º, III, da lei 6001, é a integração do ponto de vista jurídico, ou seja, o índio pode votar ser votado, ingressar em juízo na defesa de seus direitos, (CF/88 art.232), comprar vender, possuir bens na forma da lei etc. vale ressaltar que o paradigma integracionista foi fulminado pela CF de 88, valendo apenas para balizar os índios que exercem a cidadania, ainda.


Portanto, não se trata de fazer apologia ao consumo de bebidas alcoólicas nas aldeias, mas sim, garantir os direitos dos indígenas enquanto cidadãos de direitos e deveres, que paga todos os impostos aos cofres públicos. (Desafio aos idiotas de plantão a nominar de qual o imposto o índio é isento). Assim, o comerciante que se negar a servi-los aí sim, estará cometendo o crime de discriminação, passivo de prisão em flagrante, previsto na Lei 7.716, de 05 de Janeiro de 1989, que define os crimes resultantes de preconceito de raça ou cor. O seu Art. 5º prescreve: Recusar ou impedir acesso a estabelecimento comercial, negando-se a servir, atender ou receber cliente ou comprador.

Alcoolismo não se combate com lei, se combate com políticas públicas eficazes, contra a ociosidade (oportunidade de emprego), com respeito à dignidade dos índios e no caso do alcoólatra com tratamento da patologia.


######(*) É Índio, Advogado OAB 10.689 e Jornalista SRTE 773MS, pós-graduado em Direito Constitucional, Coordenador do ODIN/MS e Presidente da CEDI/OAB/4ª Subseção ,

Deixe seu Comentário

Leia Também

A importância do Pet na vida da família
Dia Mundial dos Animais

A importância do Pet na vida da família

04/10/2021 15:00
A importância do Pet na vida da família
Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca
Variedades

Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca

30/09/2021 17:00
Saiba quem é o brasileiro premiado por foto de jacaré morto na seca
Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021
Turismo

Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021

29/09/2021 16:15
Mato Grosso do Sul é destino destaque no Fórum de Turismo LGBT 2021
Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada
Lei do Ventre Livre

Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada

28/09/2021 09:30
Há 150 anos, Lei do Ventre Livre era assinada
Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário
IMPRESSO

Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário

05/07/2021 13:00
Câncer em cães e gatos é cada vez mais comum, afirma veterinário
Últimas Notícias