Dourados – MS sábado, 26 de setembro de 2020
Dourados
38º max
21º min
Conjuntura

Colisão

23 Mai 2016 - 06h00
Não chamem para sentar a mesma mesa os deputados federais Carlos Marun (PMDB) e Dagoberto Nogueira (PDT), integrantes da bancada federal de MS no Congresso. Eles estão em rota de colisão na briga por cargos federais no Estado depois que Michel Temer (PMDB-SP) deu o balão em Dilma. 


Marun, aliás, está uma arara porque o desafeto, que votou contra o impeachment da petista, articula a indicação de companheiros de partido para cargos nas autarquias, superintendências e órgãos federais em MS.

##### Cabisbaixo


Inelegível por oito anos a partir da cassação de seu mandato pelo Senado, Delcídio do Amaral (sem partido) pensa em volta a morar em Campo Grande, de onde saiu às pressas, inclusive, desativando seu escritório político, depois do escândalo de sua prisão. 


Como já limpou as gavetas de seu antigo trabalho em Brasília, o ex-petista se recupera da cirurgia para retirada da vesícula e dois tumores no intestino.

##### Friagem


Preso sob acusação de desvio de dinheiro público, o ex-deputado federal Edson Giroto (PR) está no Centro de Triagem do Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande desde a última segunda-feira (16). No entanto, ainda não pode receber visitas. Ontem mesmo, passou o dia frio no xilindró juntamente com outros detentos que têm curso superior.


O mesmo vale para o ex-deputado estadual e ex-diretor da Agesul, Wilson Roberto Mariano, e para os empresários João Amorim e Flávio Henrique Garcia, presos na segunda fase da Operação Lama Asfáltica.

##### Friagem


Os empresários João Amorim e Flávio Henrique Garcia, o ex-deputado federal Edson Giroto e ex-diretor da Agesul Wilson Roberto Mariano, presos na segunda fase da Operação Lama Asfáltica, denominada Fazendas de Lama, ainda não podem receber visitas na prisão.


Eles estão no Centro de Triagem, no complexo do Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande desde a última segunda-feira (16), onde o dia de visita é sempre aos domingos.

##### Apagão


Na Capital, enquanto os moradores reclamam da escuridão em alguns bairros, a prefeitura tem em caixa R$ 53 milhões arrecadados pela Cosip (Contribuição para o Custeio do Serviço de Iluminação Pública), cujos recursos dariam para resolver o problema, investindo na manutenção.


Na semana passada, o assunto foi debatido na Assembleia Legislativa, onde o deputado estadual Coronel David (PSC) criticou o prefeito Alcides Bernal (PP) e pediu solução. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Recreação

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos

25/09/2020 07:23
"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Condenação

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida

21/09/2020 16:57
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
Turismo

MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados

21/09/2020 10:36
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
O julgamento de Deus
Artigo

O julgamento de Deus

17/09/2020 08:51
O julgamento de Deus
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Saúde

Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono

13/09/2020 10:11
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Últimas Notícias