Dourados – MS quinta, 13 de maio de 2021
Dourados
26º max
14º min
Variedades

Chefe executivo da General Motors recebeu US$ 2,53 milhões em 2010

25 Abr 2011 - 15h10
O CEO da GM, Daniel Akerson, na abertura na bolsa de NY em novembro de 2010 - Crédito: Foto: Divulgalção/APO CEO da GM, Daniel Akerson, na abertura na bolsa de NY em novembro de 2010 - Crédito: Foto: Divulgalção/AP
O chefe executivo da General Motors, Daniel Akerson, recebeu US$ 2,53 milhões em compensação total em 2010. Akerson assumiu o cargo de CEO em setembro do ano passado e o de presidente do conselho de administração da companhia no início de 2011.

A remuneração de executivos da GM é restrita por diretrizes definidas pelo governo dos Estados Unidos, após a companhia ter aceitado um pacote de financiamento de US $ 50 bilhões, o que evitou sua falência.

Akerson recebeu US$ 566.667 em salário e outros US$ 1,76 milhões em prêmios em ações. O executivo estava no comando de abertura de capital da GM, em novembro, e ajudou a empresa a fechar 2010 com seu maior lucro em dez anos.

Para 2011, o CEO não vai ter aumento, o que significa que ele vai ganhar US$ 9 milhões este ano, a mesma quantidade que Ed Whitacre receberia se não tivesse deixado o cargo no ano passado. A compensação será de US$ 1,7 milhão em salário e cerca de US$ 7,3 milhões em prêmios em ações.

O CEO da Ford Motor, Alan Mulally, recebeu no ano passado cerca de US $ 26,5 milhões, após aumento de 48% em relação ao ano anterior. Ele foi o responsável por reerguer a Ford sem pedir empréstimos ao governo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Sul-mato-grossense é eleita Miss Universo Plus Size
MERECIDO

Sul-mato-grossense é eleita Miss Universo Plus Size

30/04/2021 14:59
Sul-mato-grossense é eleita Miss Universo Plus Size
Últimas Notícias