Dourados – MS terça, 29 de setembro de 2020
Dourados
37º max
21º min
Variedades

Café com quadrilha

11 Fev 2016 - 07h00
No último feriadão de carnaval (08 de fevereiro) só deu o deputado Vander Loubet (PT) na internet com um vídeo em que grupo de pessoas fez um protesto ao redor da mesa do parlamentar em forma de dança de quadrilha que circulava Vander Loubet o tempo todo. A dança da quadrilha usava o seguinte refrão: “Olha o Lula, uuuuu, é mentira. Olha a Polícia Federal”. Isso aconteceu em um badalado café na região central de Campo Grande onde Loubet estava bem a vontade até chegar a turma da sátira quando o café dele com certeza esfriou e amargou”.


##### É válido


Antes disso o deputado já havia sido hostilizado ao descer do avião e bem hostilizado. Um dos participantes do protesto postou o vídeo no Facebook e um texto que, entre outras coisas, diz: “não quis brincar com a gente... esparramem... compartilhe”. Ao ter o ato questionado em um comentário, respondeu: “nós somos os organizadores dos protestos de rua em Campo Grande. Estávamos no café discutindo a passeata do dia 13/3 e o Vander chegou. Não devíamos ter feito? Ajude-nos... qualquer ato que bata no PT é válido”.

##### Lava Jato


No mês passado o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) que decrete a perda do mandato do deputado federal Vander Loubet (PT-MS). Ele é alvo da Operação Lava Jato por suposto recebimento de propinas que somaram R$ 1,028 milhão em esquema de corrupção na BR Distribuidora.

##### Quase 100


São 99 denúncias contra Loubet por lavagem de dinheiro e outras onze por corrupção passiva. O documento foi protocolado no STF no dia 17 de dezembro de 2015. Janot pediu ainda a decretação da perda em favor da União dos bens e valores objeto de lavagem de dinheiro no caso, judicialmente apreendidos ou sequestrados, no valor originário total de R$ R$ 1.028 milhão, a ser acrescido de juros e correção monetária.

##### Grupo criminoso


Para Janot, o petista tem ligação com ‘grupo criminoso’ que repassava a ele valores ilícitos ‘em função da ascendência que o Partido dos Trabalhadores exercia sobre parte da Petrobras Distribuidora S/A’.

##### Em conjunto


“O parlamentar, em conjunto com seus auxiliares, acabou aderindo à organização criminosa preordenada à prática de crimes de peculato, de corrupção ativa e passiva e de lavagem de dinheiro no âmbito da BR Distribuidora”, assinala o procurador-geral.

##### Dos danos


A PGR quer condenação do petista e de outros denunciados, inclusive familiares de Loubet e o empresário Pedro Paulo Leoni, a reparação dos danos materiais e morais causados por suas condutas’, fixando-se um valor mínimo de cinco vezes o montante cobrado a título de propina no caso, no total de R$ 5,14 milhões.

##### Valores ilícitos


Janot afirma que as investigações do Inquérito 3990/DF ‘evidenciaram que, para que o grupo criminoso em questão atuasse, era necessário o repasse de valores ilícitos para o deputado federal Vander Loubet, em função da ascendência que o Partido dos Trabalhadores exercia sobre parte da Petrobras Distribuidora S/A’.

##### Um capítulo


Na denúncia contra Vander Loubet, o procurador dedica um capítulo para as diretorias da BR ‘controladas pelo PT’. “Em razao de o Partido dos Trabalhadores deter praticamente metade da BR Distribuidora, Pedro Paulo Leoni Ramos tinha que repassar parte das vantagens indevidas também ao deputado federal petista Vander Loubet.

##### Plena liberdade


Em compensação, Pedro Paulo tinha plena liberdade para implementar o esquema criminoso na Petrobrás Distribuidora S/A, chegando a atuar inclusive nas diretorias politicamente indicadas pelo PT.”

##### Unidade Integrada


Não é de hoje que a população do Parque das Nações e adjacências sofre com a falta de segurança pública e os registros desta área devem ser feitos a léguas de distância no caso a 2a Delegacia de Polícia Civil na Vila Industrial. Para cobrir esta lacuna os deputados estaduais José Carlos Barbosinha e Zé Teixeira na semana passada voltaram a defender a necessidade da instalação de um novo distrito policial em Dourados, com aumento de efetivo e de equipamentos. A unidade integrada de policiamento, com policiais civis e militares, atenderia toda a região do Grande Parque, reforçando na cidade.

##### 3º DP


Zé Teixeira e Barbosinha realizaram uma reunião com o delegado-geral da Polícia Civil, Roberval Rodrigues, para discutir a possibilidade de criar o 3º Distrito Policial nas proximidades dos bairros Parque das Nações II, Guaicurus e Joquei Clube, que compõem a região. O encontro foi realizado na Assembleia Legislativa.

##### Será possível


“Entendemos que somente com a criação do distrito será possível aumentar a segurança dos moradores. A região se desenvolveu bastante e o crescimento traz a necessidade de melhorar o atendimento à população”, explicou Barbosinha.

##### Primeiro-secretário


“A reunião foi muito boa. Adiantamos as conversas sobre a possibilidade de instalação da delegacia de Polícia Civil no Grande Parque. Quando ficar pronto, será garantia de atendimento para mais de 30 mil habitantes”, disse Zé Teixeira, atual primeiro-secretário da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

##### Mais que justa


A reivindicação já é antiga. Barbosinha apresentou, há cerca de um ano, o pedido para a criação do distrito. Os parlamentares também já procuraram o apoio do Secretário de Justiça e Segurança Pública, Silvio Maluf, e do Comandante-Geral da Polícia Militar, Coronel Deusdete Oliveira. “Estamos sensibilizando a todos os envolvidos para que atendam a esta reivindicação mais do que justa da população de Dourados”, completou Barbosinha.

##### Que frase!


“É impressionante como limitam a cultura nacional ao Carnaval. Não que seja uma festa qualquer. Não. O Carnaval faz parte da identidade nacional há séculos. Mas, o Brasil pode ser muito mais do que exclusivamente Carnaval”. (Filipe OMB)

Deixe seu Comentário

Leia Também

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Recreação

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos

25/09/2020 07:23
"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Condenação

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida

21/09/2020 16:57
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
Turismo

MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados

21/09/2020 10:36
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
O julgamento de Deus
Artigo

O julgamento de Deus

17/09/2020 08:51
O julgamento de Deus
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Saúde

Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono

13/09/2020 10:11
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Últimas Notícias