Dourados – MS segunda, 21 de setembro de 2020
Dourados
26º max
15º min
MATO GROSSO DO SUL

Assembleia aprova proibição da venda de buzinas a gás

29 Jun 2016 - 13h52
Assembleia aprova proibição da venda de buzinas a gás -
A Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul aprovou em segunda votação nesta quarta-feira (29), o projeto de lei proposto pelos deputados Paulo Corrês (PR) e Mara Caseiro (PSDB), que proíbe a fabricação, comercialização, a distribuição e o uso de buzinas de pressão à base de gás propanobutano envasadas em embalagens aerossol no estado. O projeto segue agora para análise do governador, Reinaldo Azambuja (PSDB), que pode sancioná-lo ou vetá-lo.

No início do ano, o uso do gás deste tipo de produto como um alucinógeno provocou intoxicações em várias cidades do país. Um dos casos mais graves foi o da estudante de direito Maria Luiza Peres Perassolo, de 18 anos, de São José do Rio Preto, que morreu no dia 26 de março, depois de inalar o gás de buzina em um condomínio residencial.

Antes, em 3 de fevereiro, foi registrada uma outra morte em razão do uso do gás da buzina. O caso ocorreu em Fernandópolis, também no interior de São Paulo, e a vítima foi um rapaz de 33 anos, estudante de medicina.

"Queremos evitar ao máximo que esse tipo de instrumento chegue às mãos de nossas crianças e nossos jovens, sobretudo porque parece algo inofensivo, mas não é. Não podemos mais perder vidas por conta de uma brincadeira que não oferece o mínimo de segurança", explicou a deputada Mara Caseiro, uma das autoras do projeto.
Conforme a parlamentar, esse tipo de buzina é muito comercializado no estado, especialmente para festas e formaturas escolares, sendo encontrado livremente em lojas por menos de R$ 20.

Conforme a proposta aprovada na Assembleia, quem infringir a lei fica sujeito a várias sanções, entre elas uma multa de 100 unidades fiscais estaduais de referência de Mato Grosso do Sul (Uferms), que na cotação de junho de R$ 23,63 cada unidade, representa R$ 2.363, além da suspensão das atividades do estabelecimento por até 30 dias, cassação da licença de funcionamento e, em caso de reincidência, multa em dobro.

Perigo do gás

Segundo o Centro de Toxicologia do Hospital de Base (Ceatox), referência nos casos de intoxicação em São José de Rio Preto, município onde a estudante de direito morreu em março, o gás desta buzina é muito perigoso. Ele é encontrado também no isqueiro, geladeira e ar-condicionado.

No organismo, pode causar náuseas, vômitos, alucinação, euforia, desmaio e convulsão. Como entra em uma temperatura muito baixa, -20°C, ode provocar ainda edema pulmonar e no coração, causar arritmia e infarte.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Condenação

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida

21/09/2020 16:57
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
Turismo

MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados

21/09/2020 10:36
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
O julgamento de Deus
Artigo

O julgamento de Deus

17/09/2020 08:51
O julgamento de Deus
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Saúde

Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono

13/09/2020 10:11
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
“Muita gente desconta no animal, como se ele tivesse culpa”, diz criadora de abrigo
Cães abandonados

“Muita gente desconta no animal, como se ele tivesse culpa”, diz criadora de abrigo

13/09/2020 09:05
“Muita gente desconta no animal, como se ele tivesse culpa”, diz criadora de abrigo
Últimas Notícias