Dourados – MS terça, 29 de setembro de 2020
Dourados
37º max
21º min
Variedades

Apressadinho

16 Fev 2016 - 11h46
Candidato derrotado ao Senado na chapa de Delcídio do Amaral (PT) em 2014, o ex-petista Ricardo Yache, hoje abrigado no PSB, ousou até demais, aproveitando o ato de filiação de seu novo partido, ocorrido sexta-feira passada, na Capital, para distribuir panfletos entre os socialistas presentes, com direito a fotografia bem produzida e frases de efeito.


“Por um mundo onde sejamos socialmente iguais, humanamente diferentes e totalmente livre”, dizia uma das mensagens do panfleto, que dava também boas-vindas aos novos filiados. Diante disso, um gaiato saiu com essa: “propaganda eleitoral antes do tempo não, aquelas coisas”.

##### De saída


Dizendo-se traído uma vez, quando queria a indicação para ser o candidato a prefeito da Capital, o vereador Paulo Siufi fala em deixar o PMDB e ir se abrigar em outro partido para se ver livre de nova ‘trairagem’. À época, o ungido com as bênçãos dos peemedebistas foi Edson Giroto, que deixou de última hora o PR para pleitear o cargo.


Dizem que as pesquisas o indicavam, mas o fato é contestado por Siufi, que prefere dar adeus à sigla a ter que ouvir a mesma cantilena. De desgaste já basta a investigação da Coffee Break, que o coloca no olho do furacão.

##### Debandada


Com a Promulgação da Proposta de Emenda à Constituição 182/2007, marcada para quinta-feira (18), um troca-troca de partidos jamais visto deve acontecer país afora. A nova janela vai permitir que candidatos a prefeito e a vereador analisem bem a situação partidária em que vivem e escolham uma melhor agremiação que fortaleça suas candidaturas. 


Em Mato Grosso do Sul não será diferente. A partir dessa real possibilidade, muitos deputados e vereadores vão anoitecer na sigla a que são filiados e amanhecer em outra, tudo de acordo com suas conveniências, claro. 

##### No limite


Se tudo que a imprensa nacional vem destacando for verdadeiro, Delcídio do Amaral pode assinar um acordo de delação premiada a qualquer momento e jogar no ventilador tudo que sabe sobre o caso Petrobras. Claro que o comando do seu partido deve saber o tamanho do estrago que isso pode causar à imagem do PT, e da presidente Dilma, especialmente.


Se até o momento nada fizeram para ajudá-lo, isso o desobrigaria a manter a imagem de quem quer que seja, muito menos de quem não está nem aí pra ele. A resposta vem nos próximos dias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Recreação

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos

25/09/2020 07:23
"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Condenação

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida

21/09/2020 16:57
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
Turismo

MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados

21/09/2020 10:36
MTur disponibiliza R$ 13,5 milhões para ações de retomada do turismo nos estados
O julgamento de Deus
Artigo

O julgamento de Deus

17/09/2020 08:51
O julgamento de Deus
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Saúde

Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono

13/09/2020 10:11
Professor de Medicina explica sobre a qualidade do sono
Últimas Notícias