Dourados – MS domingo, 29 de novembro de 2020
Dourados
36º max
25º min
Imaculada-Desk
Imaculada-Mobile
Variedades

A voz do povo

03 Fev 2016 - 07h00
O deputado estadual José Carlos o “Barbosinha” (PSB), aproveitou parte do período de recesso para intensificar o seu contato com a comunidade dos bairros através do gabinete itinerante. Barbosinha já esteve em vários bairros ouvindo a voz do povo sobre suas maiores necessidades.


##### Revendo amigos


No último final de semana foi a vez do Parque das Nações II Plano. Antes, o gabinete itinerante havia passado pelo Novo Horizonte. “Oportunidade de rever amigos e ouvir a comunidade sobre os problemas locais. Ir até o povo é um compromisso que assumi e tenho cumprido desde o meu primeiro ano de mandato”, disse Barbosinha.

##### A carga


Em seu discurso durante a reabertura dos trabalhos na Assembleia Legislativa ontem o governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), afirmou a possibilidade de reduzir a carga tributária Mato Grosso do Sul.

##### Quando será?


Muita calma nessa hora. Segundo o governador Reinaldo Azambuja, a carga tributária será reduzida somente quando a crise passar. O difícil é saber quando a crise vai passar. Nem a presidente Dilma saberia dizer. Não tem bola de cristal que aponte o fim da crise no Brasil.

##### Causa Mortis


No ano passado, houve aumento do ICMS (Imposto sobre Comercialização de Mercadorias e Serviços) dos produtos considerados supérfluos e do ITCD (Imposto sobre a Transmissão Causa Mortis e Doação).

##### Só fumo


No caso do ICMS dos supérfluos, o imposto sobre bebidas alcoólicas subiu de 25% para 27%. Já sobre refrigerantes, cosméticos e fumo oscilou de 17% para 20%. O ITCD foi fixado em 3% sobre o valor do imóvel, caso o bem seja doado, e 6% do imóvel para transmissões de causa mortis.

##### Pauta comum


Ainda segundo Azambuja, a necessidade da retomada do crescimento da economia e encaminhamentos para a redução da carga tributária foram discutidos durante reunião com 24 governadores, que aconteceu em Brasília, na segunda-feira (1°). “Fechamos uma pauta comum dos 27 estados, e uma delas é esta”, disse.

##### Longo prazo


Por falar em impostos a presidente da República, Dilma Rousseff, defendeu, ontem, uma agenda fiscal de curto e longo prazo e pediu o apoio do Congresso Nacional para a aprovação de medidas como a recriação da CPMF - PEC 140/15, a prorrogação da Desvinculação de Receitas da União (DRU) - PEC 4/15 e apensadas, ambas em tramitação na Câmara dos Deputados, e a aprovação das reformas previdenciária e tributária, que o governo vai enviar este ano.

##### Agenda fiscal


Segundo a presidente, a agenda fiscal terá pouco impacto no curto prazo, mas garantirá a sustentabilidade fiscal do Estado para retomar o crescimento econômico. “Seu impacto fiscal será mínimo no curto prazo. É uma questão do Estado brasileiro. Precisamos ter como horizonte o futuro do País e não apenas meu governo”, disse Dilma. E o governo está fazendo o que para diminuir os gastos do governo.

##### Isso ela não conta


Isso a Dilma não conta em seus discursos. Toda vez que o calo do governo aperta ela fala em criação ou recriação de impostos. A fatura da crise sempre sobra para o cidadão pagar. O pior é que quem ocasiou a crise no Brasil foi a corrupção e a má gestão dos últimos anos. A única participação do povo foi nas eleições onde a maioria se iludiu e manteve o governo embarcando mais uma vez em uma barca furada que afundou o Brasil.

##### Adeus Impeachment


Com a decisão do STF em tirar poderes da Câmara e ampliar os poderes do senado no caso de impeachment da presidente da República, Dilma Rousseff a maioria dos ministros praticamente deu carta branca para que Dilma continue no poder até o fim de seu mandato. Aliás o STF dificultou o processo de impeachment da presidente.

##### Chapa avulsa


O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, recorreu na segunda-feira (1º) ao Supremo Tribunal Federal para pedir esclarecimentos sobre o julgamento no qual o STF decidiu invalidar, em dezembro, a eleição da chapa avulsa para formação da comissão especial da Câmara encarregada de analisar o pedido.

##### Voto aberto


A Mesa Diretora da Câmara entrou com embargos de declaração que questionam, entre outros pontos, a formação da chapa para concorrer às vagas da comissão especial, o voto aberto e o papel do Senado no rito do impeachment.

##### A escolha


A decisão do STF invalidou a eleição da comissão, ocorrida em 8 de dezembro. Segundo o Supremo, os integrantes da comissão só podem ser indicados por partidos ou blocos e a escolha deve se dar por meio de votação aberta. A chapa então vencedora no dia 8 era formada por partidos de oposição e por dissidentes da base governista, incluindo deputados do PMDB.

##### É do Senado?


O rito definido pelo STF prevê ainda que o parecer da comissão deverá ser analisado pelo Plenário, cabendo à Câmara apenas autorizar ou não a abertura do procedimento. De acordo com o STF, é do Senado a competência para instaurar o processo de impeachment.

##### Caso arquivado


Dessa forma, se os senadores decidirem não instaurá-lo, o processo será arquivado. Caso decidam pela instauração, somente a partir desse momento é que a presidente da República deverá ser afastada do cargo pelo prazo máximo de 180 dias.

##### Validade do rito


O documento da Câmara diz que, ao aceitar recurso do PCdoB, que questionou a validade do rito do impeachment, o STF interferiu no funcionamento interno da Casa e restringiu direitos dos parlamentares. Sem duvida.

##### Não há


O recurso foi protocolado antes da publicação do acórdão, que é o texto final da decisão. Durante encontro no ano passado com Eduardo Cunha, o presidente do STF, Ricardo Lewandowski, disse que não há entendimento entre os demais ministros sobre a aceitação de recurso contra uma decisão antes da publicação do acórdão.

##### Que frase!


“O tempo não precisa de você, mas você precisa dele, pois sem ele as coisas ruins ficam e as boas simplesmente não acontecem.” (Alisson Alves De Queiroz).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Nasa anuncia descoberta de água em estado líquido na Lua
Água na Lua

Nasa anuncia descoberta de água em estado líquido na Lua

26/10/2020 16:27
Nasa anuncia descoberta de água em estado líquido na Lua
Ciclismo se torna terapia e superação em Dourados
Biketerapia

Ciclismo se torna terapia e superação em Dourados

26/10/2020 13:20
Ciclismo se torna terapia e superação em Dourados
Turismo no Mato Grosso do Sul conquista selo Safe Travels, da WTTC
Selo internacional

Turismo no Mato Grosso do Sul conquista selo Safe Travels, da WTTC

04/10/2020 11:13
Turismo no Mato Grosso do Sul conquista selo Safe Travels, da WTTC
"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Recreação

"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos

25/09/2020 07:23
"Jorjão" oferece atividades remotas para todos os públicos
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Condenação

Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida

21/09/2020 16:57
Empresa de estúdio fotográfico é condenada por cobrança indevida
Últimas Notícias