Dourados – MS domingo, 25 de julho de 2021
Dourados
34º max
16º min
Tecnologia

Jogo 'Call of Juarez' está na mira das autoridades mexicanas

21 Fev 2011 - 18h40
Jogo \"Call of Juarez\" - Crédito: Foto: AP/UbisoftJogo \"Call of Juarez\" - Crédito: Foto: AP/Ubisoft
Um jogo de tiro em primeira pessoa que se passa na cidade fronteiriça de Ciudad Juarez, irritou as autoridades locais mexicanas que já estão ocupadas demais combatendo a violência real.

Os legisladores do estado de Chihuahua, disseram no domingo (20) que pediram às autoridades federais a proibição do jogo \"Call of Juarez: O Cartel\", que é baseado em tiroteios do cartel de drogas em Ciudad Juarez.

Cerca de seis mil pessoas morreram em violência relacionada às drogas em Ciudad Juarez em 2009 e 2010, tornando a cidade, localizada na fronteira com El Paso, Texas, uma das mais mortais do mundo.

O site da desenvolvedora de jogos Ubisoft diz que o título tem lançamento previsto para este verão norte-americano. As capturas de tela do game mostram três personagens armados com uma pistola, um fuzil e uma espingarda, prontos para abrir fogo em uma rua da cidade. O slogan promocional do jogo exorta os jogadores a \"fazerem justiça pelas próprias mãos e experimentarem a ilegalidade do moderno Wild West [Oeste selvagem]\".

Líderes comunitários da conturbada cidade mexicana Ciudad Juárez, que teve em média oito assassinatos por dia em 2010, incluindo tiroteios, decapitações e assassinatos com tortura, disseram que o jogo glorifica e banaliza a violência para os jovens já inclinados para o crime.

\"Muitas crianças dizem que querem ser um assassino, porque são aqueles que se safam de tudo\", disse o jovem trabalhador Laurencio Barraza.

Sua organização popular independente trabalha com jovens carentes que moram em barracos nas favelas que servem como local de recrutamento pelos traficantes e também como local de desova de cadáveres.

\"Isso glorifica a violência, como se as vítimas fossem apenas mais um número ou outro bônus qualquer\", acrescentou Barraza.

Ricardo Boone Salmon, deputado de Chihuahua, estado onde fica a Ciudad Juarez, disse que a Assembléia Legislativa aprovou por unanimidade um requerimento esta semana pedindo a proibição do jogo. \"É verdade que existe uma situação de crime grave que não estamos tentando esconder\", acrescenta Salmon. \"Mas também não devemos expor as crianças a esse tipo de cenários para que elas cresçam com esse tipo de imagem de falta de valores\", completa.

O deputado estadual Enrique Serrano disse que a principal preocupação é o potencial efeito sobre as crianças em Ciudad Juarez, algumas das quais já foram ensinados a \"abaixar e se proteger\" caso aconteça algum ato de violência fora de suas escolas.
(G1)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tecnologia

Como se proteger de golpes bancários em caso de perda ou furto de seu smartphone

12/07/2021 16:00
Com mais de 2 mil celulares doados, Agepen garante maior acesso à tecnologia aos alunos da rede pública
Tecnologia

Com mais de 2 mil celulares doados, Agepen garante maior acesso à tecnologia aos alunos da rede pública

16/06/2021 13:00
Com mais de 2 mil celulares doados, Agepen garante maior acesso à tecnologia aos alunos da rede pública
Tecnologia

WhatsApp não imporá restrições a quem não aceitar regras de dados

07/06/2021 11:00
Tecnologia

Lei com penas mais duras contra crimes cibernéticos é sancionada

31/05/2021 17:00
Detran Digital: quantidade serviços realizados de forma online já supera os presenciais
Tecnologia

Detran Digital: quantidade serviços realizados de forma online já supera os presenciais

28/05/2021 10:00
Detran Digital: quantidade serviços realizados de forma online já supera os presenciais
Últimas Notícias