Dourados – MS sexta, 26 de fevereiro de 2021
Dourados
34º max
24º min
Influx
Saúde

Saiba como fazer para diminuir o consumo de sal nas refeições

09 Dez 2015 - 10h07
Mais de 30 milhões de pessoas sofrem com a hipertensão arterial. - Crédito: Foto: DivulgaçãoMais de 30 milhões de pessoas sofrem com a hipertensão arterial. - Crédito: Foto: Divulgação
Todo dia você faz tudo sempre igual? É hora do almoço e, por mais que a comida esteja bem temperada, você não resiste e adiciona mais sal ao prato? Saiba que esse hábito pode trazer sérias consequências para a saúde. O consumo excessivo desse tempero é um dos responsáveis pelo crescimento da hipertensão na população brasileira, que pode ser desencadeada por hereditariedade, maus hábitos alimentares, idade, peso, sedentarismo, estresse e tabagismo. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia, mais de 30 milhões de pessoas no país sofrem com a hipertensão arterial sistêmica, que pode levar a doenças cardiovasculares. A situação é preocupante, pois estamos no sexto lugar entre os países com alta taxa de mortalidade por doenças cardíacas.


Na maioria das vezes, a hipertensão arterial não apresenta sintomas, porém, em casos mais graves ou prolongados, pode causar dores de cabeça, vômito, falta de ar ou visão embaçada. Como prevenção ou parte do tratamento, a Sociedade Brasileira de Hipertensão recomenda evitar adicionar sal à comida e não consumir alimentos com alto teor de gordura saturada e colesterol. Prefira ingredientes integrais e óleos vegetais que apresentem gorduras insaturadas. É importante, também, manter o peso adequado, praticar atividades físicas e não fumar.

Dicas para manter uma alimentação equilibrada;


1. Menos sal, por favor:


Alimentos preparados com temperos em pó ou caldos não necessitam da adição de mais sal após o preparo. Eles, naturalmente, já possuem uma alta taxa de sódio.

2. Afasta de mim esse saleiro:


Retire o saleiro da mesa. Desta forma é possível evitar a adição excessiva do condimento na comida.

3. Escolhas magrinhas:


Priorize carnes magras como frango, peixe e carne vermelha sem gordura aparente. E prepare de forma cozida ou assada — esqueça frituras!

5. Mais saúde:


Consuma diariamente frutas, verduras, legumes e leguminosas. Fibras são ótimas para a saúde do intestino, além de saciar a fome por mais tempo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Hospital do Amor de Dourados oferece exames preventivos gratuitos no mês das Mulheres
Saúde

Hospital do Amor de Dourados oferece exames preventivos gratuitos no mês das Mulheres

26/02/2021 08:55
Hospital do Amor de Dourados oferece exames preventivos gratuitos no mês das Mulheres
Saúde diz que distribuiu vacina para 100% dos idosos em asilos
PANDEMIA

Saúde diz que distribuiu vacina para 100% dos idosos em asilos

26/02/2021 06:58
Saúde diz que distribuiu vacina para 100% dos idosos em asilos
Bolsonaro edita MP que libera R$ 2,8 bilhões para combate à covid-19
Recursos

Bolsonaro edita MP que libera R$ 2,8 bilhões para combate à covid-19

25/02/2021 09:11
Bolsonaro edita MP que libera R$ 2,8 bilhões para combate à covid-19
MS ainda não registrou casos da variante do coronavírus e adota medidas para agilizar realização de exames
Covid-19

MS ainda não registrou casos da variante do coronavírus e adota medidas para agilizar realização de exames

24/02/2021 16:26
MS ainda não registrou casos da variante do coronavírus e adota medidas para agilizar realização de exames
MS tem média móvel de 835 casos novos por dia
Covid-19

MS tem média móvel de 835 casos novos por dia

24/02/2021 15:39
MS tem média móvel de 835 casos novos por dia
Últimas Notícias