Dourados – MS segunda, 19 de outubro de 2020
Dourados
34º max
21º min
Influx
Saúde

Ministro da Saúde deve lançar obra em Dourados

08 Fev 2011 - 18h52
Geraldo confirma agenda de ministro Alexandre Padilha em Dourados - Crédito: Foto : DivulgaçãoGeraldo confirma agenda de ministro Alexandre Padilha em Dourados - Crédito: Foto : Divulgação
BRASÍLIA – O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, disse que deve visitar Mato Grosso do Sul para lançamento do Instituto da Mulher e da Criança de Dourados. O ministro recebeu o deputado federal em audiência ontem, em Brasília, para tratar de obras na área da saúde.

Durante a audiência, em que o deputado solicitou a liberação de recursos para prosseguimento da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) e Postos de Saúde de Dourados, o ministro conheceu o projeto do IMC – Instituto da Mulher e da Criança – e prometeu dar suporte à instalação de um CAPS-AD (Centro de Apoio Psico-Social) para tratamento de dependentes de drogas e de álcool na Reserva Indigena de Dourados).

#####Licitação

O processo licitatório do IMC foi concluído no último dia 31 de dezembro. O prédio do Instituto será construído anexo ao Hospital Universitário (HU). A maior parte dos recursos, de R$ 12,9 milhões, conseguidos pelo deputado Geraldo Resende junto ao Ministério da Saúde, já está assegurada. Além deste valor, a Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) vai investir uma contrapartida de quase R$ 6 milhões.


Geraldo Resende está trabalhando em parceria com a direção do HU e da UFGD desde agosto de 2009, visando à implantação de uma estrutura que além de funcionar como local de aprendizado para os estudantes do curso de Medicina, será unidade de referência para atendimento na área de saúde para mulheres e crianças de toda a região, com serviços nas áreas de ginecologia, obstetrícia pediatria e neonatalogia.

#####Projeto

O projeto prevê a implantação de um edifício com 8,7 mil metros construídos, com subsolo e cinco pavimentos, sendo que as principais estruturas são: térreo com consultórios de ginecologia e obstetrícia, banco de leite, consultórios de pediatria, PAP (Pronto Atendimento Pediátrico) e salas das residências; 1º andar com quatro salas cirúrgicas para parto e seis salas para parto normal; 2º andar com 19 leitos de UTI Neonatal e 12 leitos para CTI Neonatal; 3º andar com 21 quartos (dois leitos/quarto) de enfermaria; e 4º andar com 16 quartos (dois leitos/quarto) de internação pediátrica

Deixe seu Comentário

Leia Também

Possível subnotificação de sarampo durante pandemia preocupa OPAS
Saúde

Possível subnotificação de sarampo durante pandemia preocupa OPAS

19/10/2020 16:35
Possível subnotificação de sarampo durante pandemia preocupa OPAS
Voluntários começam a receber vacina BCG contra a Covid em MS: 'Acredito na ciência', diz enfermeiro
Saúde

Voluntários começam a receber vacina BCG contra a Covid em MS: 'Acredito na ciência', diz enfermeiro

19/10/2020 15:33
Voluntários começam a receber vacina BCG contra a Covid em MS: 'Acredito na ciência', diz enfermeiro
Em queda no número de novos casos, Dourados tem 74% dos leitos de UTI ocupados
Saúde

Em queda no número de novos casos, Dourados tem 74% dos leitos de UTI ocupados

19/10/2020 14:50
Em queda no número de novos casos, Dourados tem 74% dos leitos de UTI ocupados
Apesar da queda nos números da Covid-19, SES alerta para biossegurança
Covid-19

Apesar da queda nos números da Covid-19, SES alerta para biossegurança

19/10/2020 14:06
Apesar da queda nos números da Covid-19, SES alerta para biossegurança
CoronaVac

Vacina chinesa contra o coronavírus tem 'melhor perfil de segurança' e eficácia deve ser comprovada até o final do ano, diz diretor do Butantan

19/10/2020 11:36
Últimas Notícias